sicnot

Perfil

Opinião

"Os empregados da Autoeuropa são os mais bem pagos"

"Os empregados da Autoeuropa são os mais bem pagos"

No comentário habitual do Jornal da Noite, Miguel Sousa Tavares defendeu que o conflito na Autoeuropa é político, sindical e ideológico. O comentador da SIC disse ainda que os empregados da Autoeuropa fazem parte da aristocracia e que são os mais bem pagos.

  • "Não há sanções, nem ameaças que funcionem, quando se está perante um louco"
    4:13

    Opinião

    Miguel Sousa Tavares considerou esta segunda-feira que o mundo está "à beira de uma guerra nuclear, como nunca esteve". Perante a ameaça nuclear da Coreia do Norte, o comentador da SIC disse que não há sanções ou ameaças que funcionam, "quando se está perante um louco". Miguel Sousa Tavares comentou ainda a possibilidade do programa nuclear de Pyongyang ter sido "muito apoiado" pela Ucrânia, nos últimos tempos.

  • Patinadora enfrenta "pesadelo" nos Olímpicos

    Desporto

    A patinadora Gabriella Papadakis enfrentou na segunda-feira um dos "piores pesadelos" da sua vida, durante a estreia nos Jogos Olímpicos de Inverno, em Pyeongchang, na Coreia do Sul. Durante a apresentação, a parte de cima do vestido da francesa saiu do lugar e revelou parte do seu seio. Mas este não foi o único caso de incidentes com figurinos. Também a sul-coreana Yura Min quase ficou despida durante a sua apresentação.

    SIC

  • O vestido de Jennifer Lawrence que está a dar que falar

    Cultura

    Jennifer Lawrence escolheu um vestido arrojado para usar na sessão fotografia do próximo filme e a internet reagiu. Muitas foram as críticas feitas, que davam conta de uma roupa "demasiado reveladora" para o frio que se fazia sentir em Londres. Mas Jennifer Lawrence não deixou passar, criticando os comentários "sexistas" e "nada feministas".

    SIC

  • Proposta criação de 77 mil empregos através de uma descida da TSU
    1:23
  • Governo enfrenta vaga de contestação
    2:35

    Economia

    O Governo enfrenta uma onda de contestação. Guardas prisionais, procuradores, professores, médicos e enfermeiros descontentes ameaçam com greves nos diferentes setores, já nos meses de março e abril.

  • 296 mortos em 2 dias de bombardeamentos em Ghouta Oriental
    2:16
  • Tiroteio na Florida foi o 18.º registado em meio escolar nos EUA desde janeiro
    1:25