sicnot

Perfil

Joana Vasconcelos

Visto de cima: Portugal é um tesouro

Joana Vasconcelos

Joana Vasconcelos

Artista plástica

A SIC pediu a várias personalidades que dessem a sua opinião sobre o atual momento que se vive no país. Todos os dias, no decorrer da campanha, é publicado aqui um artigo de cada uma dessas pessoas, ligadas às mais diversas áreas, que normalmente não são chamadas a falar sobre politica nacional. A opinião de hoje é da artista Joana Vasconcelos.

Portugal é um tesouro, mas deve estar muito bem escondido, pois poucos sabem desta riqueza.

Nos últimos tempos, difíceis, pelos motivos que sabemos, os sinais são contraditórios. A arte e a ciência, fundamentais para o crescimento, são praticamente ignoradas, Sabemos que o futuro passará sempre pela criatividade e pelo conhecimento, e, neste particular, a arte e a ciência são expoentes máximos. Alterar o paradigma retrogrado vigente é essencial. A Europa, e Portugal, em particular, não pode procurar o seu lugar na mediocridade do baixo salário, ou confiar apenas no bom clima. Deve acreditar e apostar nas qualidades excecionais do seu povo e apontar o conhecimento como a prioridade. A arte e a ciência são as fundações e os alicerces do crescimento; áreas que fortalecem e potenciam quaisquer outras atividades. Um povo motivado para a descoberta e para o conhecimento estará certamente mais bem preparado para enfrentar todos os desafios.

O atual período eleitoral é propício a promessas. Ainda assim, não há quem coloque a arte e a ciência no topo das prioridades. Aqui e ali, falam da cultura e da ciência, até assumem a evidência da sua importância, mas não há a convicta afirmação de que o modelo a seguir passará pela prioridade do investimento na cultura e na ciência. Pelo contrário, as referências parecem meras notas de rodapé dos programas eleitorais, e, nos discursos e debates, pouco falam sobre estes temas.

Mas, há em Portugal quem conheça os nossos tesouros e por isso investem com seriedade na cultura e na ciência. Tenho tido o privilégio de conhecer e trabalhar com quem também pensa e age desta forma. Por isso, destacam-se nas suas atividades, em Portugal, mas também no exterior. Apostam na arte e na ciência, porque confiam verdadeiramente na criatividade e no conhecimento; como fatores decisivos para o desenvolvimento.

É verdade, os sinais são contraditórios, mas acredito que o mapa do tesouro está a revelar-se e não serão os fantasmas do Velho do Restelo, ou do Adamastor, a impedir a aventura, a descoberta, e o conhecimento.

Sobre Joana Vasconcelos

Joana Vasconcelos nasceu em Paris, em 1971. Vive e trabalha em Lisboa. Expõe regularmente desde meados da década de 1990. O reconhecimento internacional do seu trabalho aumentou com a participação na 51ª Exposição Internacional de Arte – la Biennale di Venezia, em 2005. Momentos relevantes na sua carreira recente incluem o projetoTrafaria Praia, Pavilhão de Portugal na 55ª Exposição Internacional de Arte – la Biennale di Venezia (2013), a individual no Château de Versailles, em França (2012), a participação na coletiva “The World Belongs to You”, no Palazzo Grassi/François Pinault Foundation, em Veneza (2011), e a sua primeira retrospetiva, apresentada no Museu Coleção Berardo, em Lisboa (2010).

O trabalho de Joana Vasconcelos tem sido destacado em vários livros como Nature Morte, de Michael Petry (Thames & Hudson, 2013) e tem sido analisado em revistas como a Art Actuel (Stains, França); Art+Auction (Nova Iorque); Artforum (Nova Iorque); Art Press (Paris) entre outras.

A sua arte também tem sido referenciada em vários jornais internacionais, dos quais se destacam os seguintes: El Mundo (Madrid); El País (Madrid); Financial Times (Londres);International Herald Tribune (Paris); L’Express (Paris); Le Figaro (Paris); Le Monde (Paris);Libération (Paris); The Daily Telegraph (Londres); e The Independent (Londres).

Mais informação em joanavasconcelos.com

  • Visto de cima: Quem quer ser Português?

    Fernando Ribeiro

    A SIC pediu a várias personalidades que dessem a sua opinião sobre o atual momento que se vive no país. Todos os dias, no decorrer da campanha, é publicado aqui um artigo de cada uma dessas pessoas, ligadas às mais diversas áreas, que normalmente não são chamadas a falar sobre politica nacional. A opinião de hoje é de Fernando Ribeiro, o vocalista dos Moonspell.

  • Visto de cima: Outros, x por cento

    José Luís Peixoto

    A SIC pediu a várias personalidades que dessem a sua opinião sobre o atual momento que se vive no país. Todos os dias, no decorrer da campanha, é publicado aqui um artigo de cada uma dessas pessoas, ligadas às mais diversas áreas, que normalmente não são chamadas a falar sobre politica nacional. A opinião de hoje é do escritor José Luís Peixoto.

  • Visto de cima: "Totós" ou Campeões?

    Nuno Delgado

    A SIC pediu a várias personalidades que dessem a sua opinião sobre o atual momento que se vive no país. Todos os dias, no decorrer da campanha, é publicado aqui um artigo de cada uma dessas pessoas, ligadas às mais diversas áreas, que normalmente não são chamadas a falar sobre politica nacional. A opinião de hoje é do judoca Nuno Delgado.

  • Visto de cima: Portugal ganhou o Euromilhões

    Nilton

    Se é do género de pessoas que se atira a um texto pelo título, fique a saber que já gastámos o dinheiro do prémio. Lamento. Com a entrada na União Europeia recebemos milhões a um nível de fartura que nunca tínhamos visto e mesmo assim conseguimos esfalfa-los de pronto e quase tão rápido quanto as vinte e quatro horas que um dia tem. Pior, ainda conseguimos gastar mais uns quantos e deixar para os pagar quem viesse a seguir.

  • Visto de cima: Às duas da tarde sentei-me e desabafei

    Carlos do Carmo

    A SIC pediu a várias personalidades que dessem a sua opinião sobre o atual momento que se vive no país. Todos os dias, no decorrer da campanha, é publicado aqui um artigo de cada uma dessas pessoas, ligadas às mais diversas áreas, que normalmente não são chamadas a falar sobre politica nacional. A opinião de hoje é do fadista Carlos do Carmo.

  • Visto de cima: Mais união e menos confusão

    Francisco Lufinha

    A SIC pediu a várias personalidades que dessem a sua opinião sobre o atual momento que se vive no país. Todos os dias, no decorrer da campanha, é publicado aqui um artigo de cada uma dessas pessoas, ligadas às mais diversas áreas, que normalmente não são chamadas a falar sobre politica nacional. A opinião de hoje é do velejador Francisco Lufinha.

  • Mulher detida ao tentar atropelar polícias junto ao Capitólio, em Washington

    Mundo

    Agentes da polícia abriram fogo contra uma mulher (e não um homem, ao contrário do que inicialmente se disse) que conduzia um carro perto do Capitólio e tentava atropelá-los, segundo o Departamento da Polícia Metropolitana de Washington. A mulher foi detida mas a polícia garante que não se tratou de um ato terrorista.

  • A rã que brilha no escuro
    2:08
  • Indonésio encontrado dentro de cobra pitão

    Mundo

    Akbar Salubiro, de 25 anos, esteve perto de 24 horas desaparecido na remota ilha indonésia de Sulawesi. Acabou por ser encontrado um dia depois, no jardim da própria casa, dentro de uma pitão de 7 metros.