Última Edição

0
0:05

Última Edição

1
0:38

Mais de 11 mil portugueses perderam o emprego entre janeiro e fevereiro

2
0:46

PSD considera subida da taxa de desemprego uma questão sazonal

3
0:26

PS acusa o Governo de camuflar o desemprego

4
0:23

PCP considera preocupante subida contínua do desemprego desde setembro

5
0:32

PCP considera recontagem de votos um processo normal em qualquer eleição

6
0:31

Bastonário dos Engenheiros teme que contribuinte venha a pagar terminal de contentores no Barreiro

7
1:40

Temperaturas devem subir a partir de quarta-feira

8
1:13

Previsões de bom tempo levam portugueses ao Algarve

9
2:59

Explicações em tempo de férias

10
0:38

Merkel continua à espera que Grécia entregue lista de reformas

11
1:02

CMVM apreendeu documentos em agências do Novo Banco

12
1:27

Convocados para o particular com Cabo Verde estão orgulhosos

13
0:30

Junta de freguesia lisboeta apresentou proposta para revitalizar Parque Mayer

14
2:51

Atriz Fernanda Torres lança primeiro romance em Portugal

17:59 06.11.2012

Primeiro período de férias judiciais de 22 de dezembro a 03 de janeiro

Regime de férias judiciais, diploma relativo a projetos do PSD e do PCP, foi aprovado a 22 de outubro de 2010

O primeiro de três períodos do regime de férias judiciais anuais, fixado pelo Conselho Superior da Magistratura (CSM) e publicado hoje em Diário da República, cumpre-se de 22 de dezembro a 2012 a 03 de janeiro de 2013.

Os outros dois períodos do Regulamento das Férias e Turnos Judiciais,  aprovado em sessão plenária ordinária do CSM de 16 de outubro deste ano, estão fixados de 24 de março a 01 de abril de 2013 e de 16 de julho a 31 de agosto do mesmo ano. 

O Regulamento das Férias e Turnos Judiciais teve apreciação prévia da Secção de Acompanhamento e Ligação aos Tribunais Judiciais. 

Este regime de férias judiciais, diploma relativo a projetos do PSD e do PCP, foi aprovado a 22 de outubro de 2010, no plenário da Assembleia da República, com os votos a favor do PSD, CDS/PP, Bloco de Esquerda, PCP e Os Verdes. Apenas PS votou contra. 

Lusa

Comentários

ATENÇÃO:ESTE É UM ESPAÇO PÚBLICO E MODERADO. Não forneça os seus dados pessoais (como telefone ou morada) nem utilize linguagem imprópria.
Publicidade

Agora

Inquérito

Facebook

Mais Populares

Comentários

Publicidade

Agora

Inquérito

Facebook

Mais Populares

País

Publicidade

Agora

Inquérito

Facebook

Mais Populares

CT: NEWS
X

Sabia que o seu Internet Explorer está desatualizado?

Para usufruir da melhor experiência de navegação na nossa página web recomendamos que atualize para uma nova versão. Por favor faça a atualização aqui .