sicnot

Perfil

País

Costa recusa comentar a polémica da dívida de Passos à Segurança Social

Costa recusa comentar a polémica da dívida de Passos à Segurança Social

António Costa, secretário-geral do PS, recusou-se hoje a comentar a polémica da dívida do primeiro-ministro à Segurança Social. Confrontado pela SIC, o secretário-geral do PS fugiu a qualquer comentário.

  • PSD defende que Passos pode dar mais explicações num debate quinzenal
    0:59

    País

    Os deputados da maioria chumbaram o pedido do PS para que Passos Coelho esclarecesse o caso das contribuições à Segurança Social, entre 1999 e 2004. Para o PSD e o CDS, a iniciativa do PS viola o regimento do Parlamento. Os socialistas queriam que nove questões fossem respondidas na comissão parlamentar de Trabalho e Segurança Social. Para o PSD, o assunto já está esclarecido e pode agora ser colocado num debate quinzenal ou através de um requerimento diretamente dirigido ao chefe do Executivo, tal como fizeram o PCP e o Bloco de Esquerda. A SIC falou com Nuno Sá, do PS, e Adão e Silva, do PSD.

  • Oposição quer conhecer ao pormenor carreira contributiva de Passos Coelho
    2:40

    Economia

    Apesar dos repetidos esclarecimentos de Passos Coelho, ainda há perguntas por responder. Todos os partidos da oposição entregaram no Parlamento requerimentos para saber ao pormenor o que se passou entre 1999 e 2004. Anos em que o primeiro-ministro acumulou dívidas à Segurança Social e que, de acordo com o jornal Público, não foram todas contabilizadas. Parte da dívida terá sido dado como prescrita. O valor entre 1999 e 2004 com juros seria superior a 8 mil euros. A Segurança Social terá tido em conta o valor entre 2002 e 2004.

  • PCP quer que Passos esclareça a falta de pagamentos à Segurança Social
    0:40

    País

    O PCP espera que o primeiro-ministro esclareça o caso da falta de pagamentos à Segurança Social antes do debate quinzenal agendado para 11 de Março. O líder parlamentar comunista diz que as explicações de Pedro Passos Coelho não convencem e, por isso, o partido já entregou, na Assembleia da República, um conjunto de perguntas que quer ver respondidas pelo primeiro-ministro.

  • Passos garante que está preparado para todo o tipo de ataques
    2:24

    País

    O primeiro-ministro voltou hoje a falar da polémica sobre a falta de pagamento à Segurança Social. No encerramento das jornadas parlamentares do PSD, Passos Coelho diz que está a ser alvo de ataques pessoais, que superam as questões políticas em ano eleitoral.Admite que falhou prazos de pagamento no passado, mas diz nunca se deixou influenciar por qualquer tipo de poder enquanto chefe do Governo.

  • Surto de hepatite A em Portugal
    2:45

    País

    Há um surto de hepatite A em Portugal. Desde janeiro, 105 pessoas foram diagnosticadas na região de Lisboa e Vale do Tejo, um número superior aos casos contabilizados em todo o país nos últimos 40 anos. O surto terá começado na Holanda e está a atingir quase toda a Europa. A Direção-Geral de Saúde vai divulgar ainda esta terça-feira as normas de orientação clínica para que os médicos possam lidar da melhor maneira com este surto.

  • Bruno de Carvalho e Octávio Machado suspensos

    Desporto

    O presidente do Sporting, Bruno de Carvalho, e o diretor-geral para o futebol, Octávio Machado, foram esta terça-feira suspensos pelo Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol, na sequência de uma queixa apresentada pelo Benfica em novembro de 2015.

  • Corredora exausta é levada ao colo até à meta na meia maratona do amor
    1:06

    Mundo

    Aconteceu este domingo em Filadélfia, EUA. A poucos metros da meta uma corredora exausta é amparada por dois colegas. Mas o cansaço é tanto que fica sem força nas pernas. É quando aparece a terceira ajuda. Um homem volta para trás e leva-a no colo até à meta. A centímetros do fim larga-a para que a corredora possa atravessar a meta pelo seu próprio pé.

    Patrícia Almeida

  • Kennedy acreditava que Hitler estava vivo

    Mundo

    Um diário de John F. Kennedy vai a leilão em Boston, nos Estados Unidos da América. O diário foi escrito durante a sua breve carreira como jornalista, depois da 2.ª Guerra Mundial. No livro, foram expostas algumas teorias do antigo Presidente norte-americano, como a possibilidade de Hitler estar vivo.

    Ana Rute Carvalho