sicnot

Perfil

País

CP Carga e EMEF devem ser privatizadas

A solução para a EMEF e para a CP Carga deve ser a privatização das duas empresas, revelou hoje o secretário de Estado dos Transportes, Sérgio Monteiro, destacando, contudo, que ainda não existe uma resposta definitiva de Bruxelas.

(Lusa/Arquivo)

(Lusa/Arquivo)

LUSA

"O caso da CP Carga é mais preocupante do que o caso da EMEF [Empresa de Manutenção de Equipamento Ferroviário], mas estamos a trabalhar e aquilo que esperamos é que haja uma resposta positiva ou pelo menos o acordo de Bruxelas para que nós possamos iniciar o processo de privatização", disse Sérgio Monteiro, em Lisboa, à margem de uma sessão de apresentação dos Investimentos na Rede Transeuropeia de Transportes (RTE-T).

O governante destacou que ainda não existe uma resposta definitiva por parte de Bruxelas, mas a privatização é o cenário mais provável para a EMEF - Empresa de Manutenção de Equipamento Ferroviário.

"Julgo que o risco de liquidação está de facto afastado", disse.

Em relação à CP Carga, as discussões com a Bruxelas continuam, mas o governante está otimista: "Nós estamos muito confiantes de que a privatização é o cenário que vamos ter também".

No final de janeiro, o secretário de Estado dos Transportes, Sérgio Monteiro, afirmou que o Governo estava a negociar com Bruxelas o futuro da CP Carga, estando ainda em cima da mesa a possibilidade da empresa pública ser liquidada em vez de privatizada. 

A liquidação "ainda é um cenário, como aconteceu no caso dos Estaleiros de Viana do Castelo", declarou o responsável dos Transportes, à margem de um encontro sobre privatizações. 

Na altura, o secretário de Estado realçou, quanto à EMEF, que esta empresa pública, ao contrário da CP Carga, tem "resultados muito mais positivos e é um operador que opera livremente em mercado".

Na semana passada, a CP Carga anunciou que reduziu os prejuízos para 15,3 milhões de euros em 2014, uma melhoria face aos 23 milhões de euros de resultados negativos de 2013.

Os indicadores financeiros também registaram uma melhoria face a 2013, tendo o EBITDA (lucros antes de juros, impostos, depreciação e amortização) melhorado 68,3% em 2014, mas continua negativo, tendo passado para os 3,6 milhões de euros em 2014 (face aos 11,3 milhões de euros de 2013).


Lusa
  • As alterações na carta de condução que ajudam a poupar
    6:16
  • George H. Bush nos cuidados intensivos e mulher também hospitalizada

    Mundo

    O antigo Presidente dos Estados Unidos da América e a sua mulher estão hospitalizados em Houston, no Texas. George H. W. Bush foi admitido no sábado, devido a um problema respiratório derivado de pneumonia, enquanto Barbara Bush entrou esta quarta-feira no hospital, por sintomas de fadiga e tosse.

  • Nevão provocou corte de energia no centro dos EUA
    1:37

    Mundo

    Uma tempestade de neve no centro dos Estados Unidos da América provocou cortes no abastecimento de eletricidade, atrasos em voos e dificuldades na circulação rodoviária. Em Espanha, a descida das temperaturas levou à emissão de avisos em 30 províncias de norte a sul do país e deixou 27.700 alunos sem aulas em Valência.

  • Cadela sobrevive após engolir faca de cozinha

    Mundo

    Na Escócia, uma história de sobrevivência, no mínimo, bicuda. Uma cadela engoliu uma faca de cozinha com mais de 20 centímetros, manteve-a dentro de si durante algumas semanas mas sobreviveu, depois de ser operada de urgência..