sicnot

Perfil

País

Cavaco Silva encontra-se pela primeira vez com François Hollande

O Presidente da República vai encontrar-se pela primeira vez, na terça-feira, com o homólogo francês, François Hollande, no Palácio do Eliseu, em Paris, numa visita em que também se reunirá com duas dezenas de empresários e investidores franceses.

LUSA

Fonte da Presidência da República informou hoje que entre os empresários estarão presidentes de comissões executivas (CEO) de várias empresas, entre as quais a Altice, cujo grupo vai comprar a PT Portugal.

Representantes de setores como o automóvel, aeronáutica, transportes, banca, área financeira, tratamento de resíduos ou distribuição de vinhos também se reunirão com Aníbal Cavaco Silva na próxima terça-feira num pequeno-almoço de trabalho na capital francesa.

A deslocação do Presidente da República a Paris, cujo objetivo é o estreitamento de relações entre Portugal e França, inicia-se na segunda-feira na sede da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE), a primeira visita oficial de um chefe de Estado português à OCDE.

Cavaco Silva vai encontrar-se com o secretário-geral da OCDE, Angel Gurría, participa num seminário com peritos desta organização e numa reunião com membros do conselho, o órgão mais importante da OCDE.

No final, o Presidente da República português e o secretário-geral da OCDE farão declarações conjuntas à imprensa.

Ainda na segunda-feira ao fim do dia, Cavaco Silva encontra-se com portugueses que residem em França entre os quais eleitos locais, presidentes de associações empresariais e os deputados eleitos pelo círculo da Europa Paulo Pisco (PS) e Carlos Alberto Gonçalves (PSD). 

Cavaco Silva fará uma intervenção durante o encontro com os representantes da comunidade portuguesa em França, onde reside mais de um milhão de lusodescendentes. 

Quanto ao encontro com o presidente francês François Hollande, na terça-feira, a mesma fonte da Presidência portuguesa adiantou que serão tratados assuntos da agenda bilateral e internacional.

Ainda antes do encontro com o Presidente francês, Cavaco Silva visita a delegação da Fundação Calouste Gulbenkian em Paris.

Nesta deslocação a Paris do Presidente da República o Governo português estará representado pelos secretários de Estado das Comunidades Portuguesas, José Cesário, e pelo secretário de Estado das Finanças, Manuel Rodrigues.


Lusa
  • Marcelo lembra como foi tratada a tragédia durante a ditadura
    2:25

    Tragédia em Pedrógão Grande

    Marcelo Rebelo de Sousa não quis comentar diretamente a polémica em torno da lista das vítimas mortais de Pedrógão Grande, mas recorreu às cheias de 1967 para lembrar como as tragédias eram tratadas no tempo da ditadura. O Presidente da República defendeu que não é possível esconder a dimensão de uma tragédia num regime democrático. Há 50 anos, Marcelo Rebelo de Sousa acompanhou de perto a forma como o regime tentou esconder a verdadeira dimensão do incidente.

  • Ministra admite falhas no SIRESP no presente e no passado
    2:35

    País

    A ministra da Administração Interna admitiu, esta quinta-feira, que o SIRESP falha no presente tal como já falhou no passado, quando a tutela pertencia ao Governo PSD. Os sociais-democratas quiserem ouvir Constança Urbano de Sousa na comissão parlamentar mas desta vez a ministra defendeu-se com um ataque. 

  • À descoberta de Dago, o destroço mais visitado em mergulho de profundidade
    13:51
  • Uma viagem aérea pela aldeia histórica de Monsanto
    0:50
  • "Comecei por ajudar uma família que me pediu um plástico para se proteger"
    4:51
  • Quase três mil toneladas de plástico ameçam tartarugas no Mediterrâneo
    2:35

    Mundo

    O Mar Mediterrâneo está sob a ameaça de se tornar uma lixeira com três mil toneladas de plástico a flutuarem entre a Europa e África. Há milhões de turistas a nadarem nestas águas e há espécies marinhas que já estão em perigo. No Chipre, os cientistas estão a tentar proteger tartarugas, cuja alimentação já é quase totalmente de plástico.

  • Deputado da Malásia diz que negar sexo ao marido é uma forma de abuso

    Mundo

    Um deputado malaio tem sido alvo de algumas críticas na internet, depois de ter dito que negar sexo a maridos é uma forma de abuso psicológico e emocional por parte das mulheres. As declarações de Che Mohamad Zulkifly Jusoh foram feitas durante um debate sobre as alterações às leis de violência doméstica, na quarta-feira.

    SIC