sicnot

Perfil

País

O minuto a minuto da explosão em Sesimbra

 Filme dos acontecimentos da explosão, na quarta-feira à noite, em pedreira de Sesimbra pertencente à Sobrissul e motivada pela destruição  controlada de resíduos explosivos. Não se registaram feridos nem danos materiais, segundo os bombeiros de Sesimbra. 

Arquivo SIC

22:23 

Bombeiros de Sesimbra começam a receber telefonemas a alertar para um estrondo na zona. 

22:47

Bombeiros de Sesimbra confirmam tratar-se de uma explosão em Sesimbra, num paiol de uma pedreira. Na redação da Lusa são recebidos vários telefonemas a dar conta do estrondo, de pessoas em Setúbal, Lisboa e até Cascais. 

O estrondo foi ouvido em locais como Azeitão, Quinta do Conde, Verdizela, Barreiro, Cascais, Fonte da Telha, Costa da Caparica.



22:51 

Fonte da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) confirmou à Lusa a informação do estrondo. Nesta altura, desconhece-se se existem vítimas ou danos materiais.



23:20

Bombeiros de Sesimbra confirmam que explosão se deu no paiol do estaleiro da pedreira Sobrissul, em Sesimbra.



23:35 

Os bombeiros desmobilizam do local. Informam que a explosão não fez vítimas nem há informação sobre a existência de danos materiais.


23:56 - PSP confirma que a explosão foi provocada por uma empresa que procedia à destruição programada de resíduos explosivos.



Lusa
  • Caixa multibanco assaltada em Portugal a cada dois dias
    2:43

    País

    O semanário Expresso conta que a mulher que morreu vítima de um disparo de agentes da PSP foi atingida pelas costas. O caso está a ser investigado pela PJ, que procura encaixar as peças da noite que acabou com uma morte inocente mas que começou com uma perseguição a um grupo de assaltantes de um multibanco. Assaltos que são cada vez mais comuns e que preocupam o Governo. A cada dois dias, uma caixa é assaltada.

  • Metro de Lisboa vai reduzir consumo de água

    País

    O Metro de Lisboa colocou em prática um programa para reduzir o consumo de água devido à situação de seca em Portugal, respondendo assim ao apelo do Ministério do Ambiente, segundo um comunicado divulgado este sábado.