sicnot

Perfil

País

Moradores das ilhas da Ria Formosa protestam de barco contra demolições

Os moradores das ilhas barreira da Ria Formosa realizam hoje uma marcha lenta de barco entre Faro e Olhão, no segundo protesto numa semana em defesa dessa zona húmida algarvia e contra as demolições de habitações.

Moradores da Ria Formosa protestam, em frente à Assembleia da República, contra as demolições de casas nas ilhas-barreira.

Moradores da Ria Formosa protestam, em frente à Assembleia da República, contra as demolições de casas nas ilhas-barreira.

Lusa

Convocado pelas Associações de Moradores dos núcleos habitacionais da Culatra, Hangares e Farol, o protesto tem início marcado para as 10:00, no cais das Portas do Mar, em Faro, seguirá pela Ria Formosa até aos cais das três zonas residenciais e terminará em Olhão, onde está prevista uma concentração contra as demolições de cerca de 800 habitações decidida pelo Ministério do Ambiente.

As Associações da Culatra, Hangares e Farol criticam a atuação do Ministério do Ambiente, "que em vez de dar prioridade a obras necessárias e urgentes para valorização da Ria Formosa e das populações locais, como o desassoreamento de canais, dragagem das barras e travar a poluição, opta pela destruição dos núcleos históricos consolidados".

Já no último sábado, as três associações de moradores contestara a intervenção que está a ser realizada pelo Ministério do Ambiente e pela Pólis para "renaturalização" da Ria Formosa, que prevê a demolição de habitações consideradas ilegais nas ilhas barreira.

O protesto contou com mais de uma centena de veículos, que concluíram uma marcha na praia de Faro, zona onde também estão previstas mais de uma centena de demolições de casas que não são consideradas primeira residência, mas que as associações asseguram deixar famílias sem alternativas para morar.











Lusa
  • Passos elogia escolha de Paulo Macedo mas diz que não é suficiente
    1:47

    Caso CGD

    Pedro Passos Coelho diz que Paulo Macedo é competente para liderar os destinos da Caixa Geral de Depósitos, mas que a nomeação do antigo ministro não é suficiente para passar uma esponja sobre o assunto. Em Viseu, o líder do PSD não quis ainda avançar com um nome para a Câmara de Lisboa, depois de Santana Lopes afastar a hipótese de se candidatar.

  • O impacto e as consequências do referendo em Itália
    1:02
  • O novo coala do zoo de Lisboa
    3:10

    País

    A SIC acompanhou em exclusivo a transferência de uma coala da Alemanha para o Zoo de Lisboa. O animal veio de avião e foi batizado pelos passageiros que seguiam a bordo. Ficou com o nome de Goolara. O coala é uma fêmea, com quase dois anos, e veio para aumentar a família da mesma espécie em Portugal.

  • Jovens do exército russo aderem ao Desafio do Manequim
    1:01

    Mundo

    Na Rússia, o grupo de jovens do exército também já aderiu ao famoso Mannequin Challenge. O vídeo foi divulgado pelo Ministério da Defesa russo. O objetivo é mostrar o dia-a-dia do chamado exército de jovens, cuja principal missão passa por sensibilizar os russos para a necessidade de cumprir o serviço militar obrigatório.