sicnot

Perfil

País

Novo sistema reduz em 100 mil cartas de condução em atraso

O Governo anunciou hoje que o novo sistema para revalidação de cartas de condução, implementado pelo Instituto da Mobilidade e dos Transportes (IMT) em março, permitiu reduzir, em 100 mil, os cerca de 280 mil processos em atraso. 

(Arquivo)

(Arquivo)

Na comissão de Economia e Obras Públicas, o secretário de Estado das Infraestruturas, Sérgio Monteiro, adiantou que o Sistema de Obtenção Fiável de Imagem e Assinatura (SOFIA) levou a uma diminuição em 100 mil as cartas de condução por despachar, num total de cerca de 280 mil. 

Já antes o ministro da Economia, Pires de Lima, tinha referido "o desconforto com o tempo de espera na renovação das cartas de condução sobretudo para pessoas que têm na condução a sua profissão". 

O novo método implementado pelo IMT para conseguir diminuir os processos que se avolumavam levou a um alargamento do horário do trabalho dos serviços do organismo público. 

"Os trabalhadores aderiram voluntariamente. Quero agradecer aos que tiraram tempo das suas vidas pessoais para resolver um problema que é de todos", destacou Sérgio Monteiro. 

A notícia em torno das 280 mil cartas de condução atrasadas e deste novo sistema foi avançada na edição de hoje do Jornal de Negócios, e João Carvalho confirmou à Lusa este número, adiantando que diz respeito a cartas "acima de tudo de 2014 e 2013", e que mais de 80% destas são da Grande Lisboa.

O responsável diz ainda que "95% destes atrasos devem-se às fotografias de má qualidade que eram entregues".

"A partir de agora não há papéis", prosseguiu o presidente do IMT, declarando que o condutor apresentando agora o Cartão do Cidadão terá facilidade na revalidação. 

Lusa

  • IMT aberto aos sábados para carta de condução a partir de hoje
    2:26

    País

    O Instituto da Mobilidade e dos Transportes alargou o horário de funcionamento para resolver os casos de emissão e renovação de cartas de condução em atraso, que são cerca de 260 mil. O horário extra inclui um período alargado de funcionamento nos dias úteis e a abertura aos sábados, já a partir de hoje.

  • IMT vai abrir aos sábados para resolver atrasos nas cartas
    1:11

    País

    O Instituto de Mobilidade e Transportes vai abrir aos sábados e alargar o horário durante a semana, é esta a resposta à situação caótica vivida nos serviços por causa das cartas de condução, que está a afetar milhares de pessoas. Há pessoas à espera de renovação ou emissão da carta há quase dois anos.

  • As primeiras decisões do Presidente Trump
    1:39
  • "Há sobretudo um fosso entre o discurso que Trump faz e os de Obama"
    6:13

    Opinião

    Cândida Pinto e Ricardo Costa analisaram a tomada de posse de Donald Trump. O diretor de informação da SIC disse que o discurso de Trump "mexe com a sua base de apoio" e defende que "a grande questão não vai ser a relação com a Rússia, mas sim com a China". Já a Editora de internacional disse que o discurso foi "voltado para dentro, nacionalista, partidarista, com ataque à elite de Washington".

    Ricardo Costa e Cândida Pinto

  • Celebridades protestam contra Trump
    3:00

    Mundo

    Tem sido assim desde a campanha e continua. Grande parte da comunidade de artistas não está nada contente com o Presidente eleito. Vários artistas aproveitaram o dia da tomada de posse para se reunirem em Nova Iorque e protestarem contra Donald Trump.

  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.

  • Cantora brasileira conhecida pela "Lambada" terá sido assassinada
    1:25

    Mundo

    Terá sido assassinada a cantora brasileira conhecida em Portugal pela "lambada", um ritmo que marcou o fim dos anos 90. Foi encontrada carbonizada dentro do próprio carro depois de assaltada em casa. Três suspeitos suspeitos do homicídio da cantora Loalwa Braz foram já detidos.