sicnot

Perfil

País

Presidente do sindicato dos magistrados quer discutir reforço de quadros

O novo presidente do sindicato de magistrados do Ministério Público exigiu esta quinta-feira o recrutamento urgente de 100 magistrados. António Ventinhas diz que a expansão do novo mapa judiciário está a causar dificuldades à qualidade da Justiça.

No discurso de tomada de posse à frente do sindicato, António Ventinhas alertou para a falta de magistrados em todo o país, o que compromete o bom funcionamento do Ministério Público.

No discurso de tomada de posse à frente do sindicato, António Ventinhas alertou para a falta de magistrados em todo o país, o que compromete o bom funcionamento do Ministério Público.

Lusa

No discurso de tomada de posse à frente do sindicato, António Ventinhas alertou para a falta de magistrados em todo o país, o que compromete o bom funcionamento do Ministério Público. 

O dirigente sindical pediu, por isso, uma reunião com caráter de urgência à ministra Paula Teixeira da Cruz. As prioridades são o reforço dos quadros e a aprovação do Estatuto da classe. 

António Ventinhas sucede a Rui Cardoso à frente do Sindicato. A cerimónia de tomada de posso contou com a presença da procuradora-geral da República, Joana Marques Vidal.