sicnot

Perfil

País

Trabalhadores da RTP indignados com ordenado de 10 mil euros do novo presidente

O sindicato dos Trabalhadores da RTP está indignado com os salários mensais de 10 mil euros que vão receber os dois novos elementos do conselho de administração.

O pedido de exceção salarial foi ontem publicado em Diário da República.

Em comunicado, os funcionários da televisão pública consideram muito grave haver uma exceção salarial para Gonçalo Reis, presidente do Conselho de Administração da RTP, e para o administrador Nuno Artur Silva.

O sindicato diz que o presidente da RTP vai receber mais do que o antecessor e mais do que o próprio primeiro-ministro. 

Os trabalhadores consideram que se trata de um insulto perante os cortes dos últimos anos nos salários dos funcionários e exigem moral e bom senso.
  • Marcelo saúda "forma rápida" como Conselho de Ministros "tratou de tudo"
    1:03

    País

    O Presidente da República lembra que é preciso convergência de forma a adotar rapidamente as medidas mais urgentes do plano de emergência. No concelho de Tábua, Marcelo Rebelo de Sousa destacou ainda os esforços do Conselho de Ministros, mas lembrou que as medidas anunciadas são apenas o início de um processo e não o fim.

  • TAP recruta mais assistentes de bordo
    2:40

    Economia

    A TAP assegura que, até ao final de outubro, os problemas com falta de tripulação vão terminar. Até ao final do ano vão ser contratados novos assistentes de bordo, mas o sindicato diz que não chega.

  • "Um ataque e uma humilhação contra o povo catalão"
    1:35