sicnot

Perfil

País

Condutor do veículo que matou cinco peregrinos teve alta hospitalar

O homem de 24 anos que teve hoje alta do hospital de Coimbra é o condutor do automóvel envolvido num despiste em Condeixa, que provocou a morte de cinco peregrinos, disse a assessora do Centro Hospitalar.

PAULO NOVAIS

O condutor do automóvel foi um dos feridos hospitalizados na sequência do acidente, mas apenas tinha algumas escoriações, não tendo sido necessário ficar internado.

No hospital, mantém-se quatro peregrinos, três nos Hospitais da Universidade de Coimbra e um no Hospital Pediátrico, tendo-se o seu estado de saúde "mantido inalterado" ao longo da tarde de hoje, adiantou a assessora Salomé Marques.

Entre os doentes referidos pelo hospital, encontra-se "uma mulher de 23 anos, com fraturas dos membros inferiores e de um membro superior", bem como um homem de 71 anos e outro de 64, ambos "politraumatizados".

Deram entrada no hospital, seis feridos, um dos quais - um jovem de 17 anos - acabou por morrer, elevando para cinco o número de mortos entre o grupo de cerca de 80 peregrinos de Mortágua.

O grupo dirigia-se para Fátima pelo IC2 e foi vítima de atropelamento em Cernache, Coimbra, cerca das 04:00, após o despiste de um automóvel que seguia no sentido Coimbra/Condeixa.

De acordo com o destacamento de trânsito de Coimbra da GNR, as cinco vítimas mortais do grupo de peregrinos - que seguia a pé no mesmo sentido do automóvel, mas na faixa contrária - têm entre os 17 e os 53 anos.

Lusa
  • Zeca Afonso morreu há 30 anos
    1:11
  • Luz ultravioleta converte dióxido de carbono em metano

    Mundo

    Investigadores da Universidade Duke, nos Estados Unidos, criaram nanopartículas (partículas microscópicas) que ajudam a converter o dióxido de carbono (gás poluente) em metano (combustível) usando apenas luz ultravioleta como fonte de energia.

  • Compensa comprar a granel?
    8:39
  • "Isto é uma mentira e tem carimbo de Estado"
    2:12

    Opinião

    O preço das botijas de gás em Portugal duplicou nos últimos 15 anos. José Gomes Ferreira esteve no Jornal da Noite, da SIC, onde explicou este aumento, lembrando que a classe política prometeu que se houvesse mais empresas a operar no mercado, os preços desciam. Contudo, José Gomes Ferreira diz que "isto é uma mentira e tem carimbo de Estado". O Diretor-Adjunto de Informação SIC explicou que como o mercado é livre, os operadores vendem aos preços mais altos que podem, deste modo os preços não variam muito entre uns e outros.

    José Gomes Ferreira