sicnot

Perfil

País

Portugal sinalizou 27 menores suspeitos de serem vítimas de tráfico em 2014

Vinte e sete menores, nove dos quais oriundos de Angola, foram sinalizados no ano passado como presumíveis vítimas de tráfico em Portugal, refere o relatório de 2014 do Observatório de Tráfico de Seres Humanos (OTSH). 

Segundo o relatório do organismo do Ministério da Administração Interna, a maioria dos menores sinalizados são oriundos de países comunitários (13), com destaque para a Bulgária (quatro), e africanos (12), nomeadamente Angola (nove).


O documento adianta que à semelhança de 2012 e 2013, algumas dos menores suspeitos de estarem a ser traficados foram sinalizadas "em trânsito", ou seja, foram detetados em Portugal, mas estavam de passagem com destino para outro país.


O relatório, que apenas faz referência aos 18 registos em fase de investigação pelos Órgãos de Polícia Criminal (OPC), sublinha que as situações de tráfico envolvendo menores dizem respeito a exploração laboral e sexual, mendicidade, adoção e venda.


O mesmo relatório destaca ainda que das nove sinalizações de alegado tráfico para a prática de atividades criminosas, seis reportam-se a menores, que estão associadas à coação para a prática de furtos.



Lusa
  • "Hoje vi chover lume"
    3:57
  • A Minha Outra Pátria
    29:53
  • Milhares de clientes da CGD vão pagar quase 5€/ mês por comissões de conta
    1:24

    Economia

    Milhares de clientes da Caixa Geral de Depósitos (CGD), que até aqui estavam isentos de qualquer pagamento, vão começar a pagar quase 5 euros por mês por comissões de conta. A medida abrange também reformados e pensionistas e entra em vigor já em setembro. Ainda assim, os clientes com mais de 65 anos e uma pensão inferior a 835 euros por mês continuam isentos.

  • O apelo da adolescente arrependida de ir lutar pelo Daesh

    Daesh

    Uma adolescente alemã que desapareceu da casa dos pais, no estado da Saxónia, esteve entre os vários militantes do Daesh detidos este fim de semana na cidade iraquiana de Mossul. Arrependida do rumo que deu à sua vida, deixou um apelo emocionado em que expressa, repetidamente, a vontade de "fugir" e voltar para casa.

    SIC