sicnot

Perfil

País

Vacina Prevenar passa a ser comparticipada, em julho chega aos centros de saúde

A vacina Prevenar passa a partir de hoje a ter uma comparticipação estatal de 15% para todos os cidadãos que se dirijam à farmácia com receita médica.

(Reuters/ Arquivo)

A vacina Prevenar previne doenças provocadas pela bactéria pneumococo, como a pneumonia, meningite, otite e septicemia, entre outras.

Segundo a Direção-geral da Saúde (DGS), dentro de um mês, a partir de 1 de julho, a vacina estará disponível nos centros de saúde, uma vez que foi integrada no Programa Nacional de Vacinação, sendo gratuita para todas as crianças nascidas desde 1 de janeiro deste ano.

O esquema de vacinação recomendado fica completo com três doses da vacina, devendo ser administrada aos dois meses, quatro meses e 12 meses.

"A vacina será também gratuita para alguns grupos de riso que serão vacinados mediante indicação médica", refere a DGS num comunicado, sem adiantar contudo mais detalhes.


Lusa
  • Governo sírio só aceitará cessar-fogo após retirada de rebeldes
    1:29

    Mundo

    O Presidente sírio Bashar Al- Assad diz que só aceitará um acordo de cessar-fogo em Alepo que inclua a retirada de todos os rebeldes da cidade. Na Alemanha, Merkel considerou que a situação na Síria é vergonhosa devido à incapacidade da comunidade internacional aliviar o conflito.

  • Quando se confunde o pedal do travão com o acelerador
    0:38

    Mundo

    Na China, chegam imagens de um acidente fora do normal. Um homem parou o carro e saiu para cumprimentar um amigo. Enquanto conversavam, a viatura começou a descair lentamente. O condutor correu de imediato para o carro. Com as mãos já no volante, tentou evitar o pior mas em vez de carregar no travão, carregou no acelerador.

  • Como (não) travar no gelo
    1:02

    Mundo

    Um vídeo gravado em Montreal, no Canadá, mostra como é quase impossível travar em estradas cobertas de gelo.