sicnot

Perfil

País

Governo já concretizou ambição do PS em reduzir utentes sem médico de família

Governo já concretizou ambição do PS em reduzir utentes sem médico de família

Paulo Macedo quer reduzir em um milhão o número de utentes sem médico de família até ao próximo ano. Uma ambição do Governo que, para o ministro da Saúde, é reveladora quando comparada com a ambição do programa eleitoral do PS.

Numa referência à "área essencial dos médicos de família", o ministro da Saúde reiterou o "desiderato de ter médico de família para todos os portugueses", salientando que o atual Governo diminuiu de cerca de 2,1 milhões para 1,2 milhões o total de portugueses sem médico de família atribuído.

E, adiantou, "com a colocação dos médicos este ano o número baixará para cerca de 500/600 mil pessoas", ou seja, haverá "no final do ano/princípio de 2016 uma redução de mais de um milhão de pessoas que deixaram de não ter médico de família".

A este propósito, Paulo Macedo apontou a "ambição" constante do programa do Partido Socialista de atribuir médicos de família a mais 500 mil pessoas nos próximos quatro anos.

"Ora, mais 500 mil pessoas conseguimos nós neste período de maior crise, em que houve uma das maiores concentrações de reformas antecipadas de médicos de sempre", afirmou.
  • "Vai ser uma batalha forte e dura"
    2:51
  • A tática dos 3 Rs de Carlos Queiroz
    1:58
  • "Isto é a demagogia à solta"
    0:45

    Opinião

    Quem o diz é Luís Marques Mendes a propósito da aprovação esta semana da lei do CDS-PP que elimina o adicional do imposto sobre os combustíveis. O comentador da SIC critica a oposição por ter levado a votação uma lei inconstitucional e acusa ainda os parceiros de Governo de deslealdade. 

    Luís Marques Mendes

  • Comandante da Proteção Civil confiante nos meios de combate aos incêndios
    1:56

    País

    Depois das falhas apontadas ao sistema de comunicações SIRESP durante os incêndios do ano passado, o cComandante operacional da Proteção Civil diz que não há meios de comunicação infalíveis. Duarte Costa acredita que este verão será mais calmo do que anterior e contabiliza já mais de 2000 incêndios desde maio que não foram notícia.

  • Líderes europeus assinalam progressos para alcançar acordo sobre migrações
    2:02