sicnot

Perfil

País

Calor está de volta

As temperaturas vão subir gradualmente a partir de hoje, prevendo-se que no final da semana estejam acima dos 30 graus Celsius, disse hoje à Lusa a meteorologista Paula Leitão, do Instituto Português do Mar e da Atmosfera. 

© Eric Gaillard / Reuters


"As temperaturas deverão subir hoje dois a três graus e amanhã (terça-feira) entre três e cinco graus. A tendência, ao longo da semana, será de subida, e no final da semana teremos temperaturas acima dos 30 graus em grande parte do território e no litoral norte", adiantou a meteorologista.

De acordo com Paula Leitão, ainda existem hoje condições para ocorrerem aguaceiros nas regiões do interior de Trás-os-Montes, Beira Alta e Alto Alentejo. 

"Os aguaceiros serão dispersos e pouco frequentes, mas com algum significado. Na região do litoral estamos a prever céu pouco nublado ou limpo e a temperatura já começa a subir, principalmente nas regiões do interior. Para hoje estamos a prever temperaturas acima dos 20 graus em todo o território", salientou.

A meteorologista do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA)lembrou que o fim de semana foi marcado pela chuva e as temperaturas estiveram abaixo dos 20 graus.

"Para terça-feira prevê-se céu pouco nublado ou limpo em todo o território e a temperatura vai subir novamente. Em Lisboa prevê-se 24 graus, em Braga 27 graus e em Beja 31 graus", disse.



  • Espanha e Portugal a um ponto dos oitavos

    Mundial 2018 / Irão

    A Espanha colocou-se esta quarta-feira a um ponto dos oitavos de final do Mundial 2018 e deixou Portugal em situação idêntica, ao vencer o Irão por 1-0, em jogo do grupo B, disputado em Kazan.

  • Os momentos que marcaram o 7.º dia de Mundial
    1:08
  • "Ronaldos nascem na Rússia como cogumelos"
    1:49
  • Os momentos descontraídos dos jogadores
    1:54
  • Ronaldo no País dos Sovietes: O humor russo
    1:32
  • Schulz responde a Trump: "é um especialista em estatísticas criminais"

    Mundo

    "Donald Trump é um especialista em estatísticas criminais: pagamentos a estrelas porno, contactos ilegais com russos e diretores de campanha presos". Foi assim que o deputado alemão Martin Schulz respondeu ao Presidente norte-americano, depois de este ter afirmado várias vezes que a criminalidade na Alemanha aumentou devido à imigração.

    SIC

  • "Vou pedir a alguém que dê esta notícia por mim". Jornalista emociona-se com o caso dos bebés mexicanos separados das famílias
    0:49