sicnot

Perfil

País

Cadáver em decomposição encontrado dentro de carro numa barragem no Alentejo

Um cadáver em avançado estado de decomposição, que poderá ser de um idoso desparecido há mais de um ano, foi esta terça-feira encontrado num carro que estava submerso na barragem do Roxo, em Aljustrel, disse fonte da GNR.

Google Maps

O cadáver estava no interior do carro propriedade de um idoso, de 78 anos, "dado como desparecido há cerca de um ano a ano e meio", em Aljustrel, no distrito de Beja, explicou à agência Lusa a fonte da GNR.

"Poderá haver uma relação mais do que evidente" entre o cadáver e o idoso desaparecido, mas "até ser identificado não é possível confirmar essa informação", frisou.

Segundo o Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Beja, o alerta para a presença do carro na barragem do Roxo foi dado aos bombeiros às 17:54.

O carro estava submerso "há muito tempo" na barragem, mas hoje ficou à tona e tornou-se visível, explicou o CDOS, referindo que as operações de resgate da viatura e do cadáver, que ainda decorreriam às 20:20, mobilizaram 17 operacionais e cinco veículos dos bombeiros de Aljustrel e a GNR.

Lusa

  • Montenegro nunca será candidato contra Passos
    0:50
  • Dijsselbloem não comenta hipótese de ser substituído por Mário Centeno
    2:41

    Mundo

    Jeroen Dijsselbloem diz que cabe ao Governo português avançar com o nome de Mário Centeno para a presidência do Eurogrupo, mas não comenta a sondagem que foi feita ao ministro das Finanças português. Ouvido esta quinta-feira no Parlamento Europeu, o Presidente do Eurogrupo esteve no centro das críticas e reafirmou que não se demite.