sicnot

Perfil

País

Criança morre após tocar em poste de iluminação em Odivelas

Uma criança de 3 anos morreu nas festas de Odivelas, ao início da madrugada, depois de se sentir mal ao tocar num poste de iluminação. A junta de freguesia já manifestou o seu pesar pela morte e garante colaborar com as autoridades para apurar o que aconteceu.

Sapo Mapas

Segundo fonte da PSP, a criança de 3 anos morreu esta madrugada depois de ter tocado num poste de iluminação, um dos que foram colocados para iluminar o recinto das festas.

A criança foi assistida no local pelos bombeiros e foi transportado para o Hospital Beatriz Ângelo, em Loures, mas não sobreviveu. A polícia desconhece as causas da morte, sabendo apenas que a criança, que estava acompanhada pelo pai, teve convulsões depois de ter tocado no poste e caiu inanimada.

"À família e amigos do pequeno João Martins, neste momento de dor, expressamos as nossas mais sentidas condolências", diz o presidente da junta de freguesia num comunicado.

Nuno Gaudêncio reafirmou à agência Lusa "o seu profundo pesar" pelo ocorrido após as Festas da Cidade de Odivelas e disse que a Junta de Freguesia "em estreita colaboração com as autoridades competentes, encetou todas as diligências necessárias com vista ao apuramento dos fatos".

O autarca, que se deslocou ao local acompanhado de técnicos especializados, assegurou que "não há passagem de corrente no poste".

Fonte da EDP disse à agência Lusa que a empresa não é responsável pela coluna de iluminação em causa, que foi colocada pela organização das festas.

"Os nossos técnicos foram ao local e verificaram que o equipamento não é da nossa responsabilidade", disse a mesma fonte acrescentando que a EDP apenas forneceu energia elétrica, a pedido dos organizadores das festas, através de um ponto de ligação, com um contador.

O presidente da Junta confirmou que a instalação elétrica no recinto de festas foi acompanhada, como é de lei, por um técnico credenciado.

A ocorrência deu-se já depois do final das festas, cerca da 01:00.

Com Lusa

  • "Os governos são diferentes mas o povo é o mesmo"
    0:45

    Economia

    O Presidente da República atribui o resultado do défice do ano passado ao espírito de sacrifício do povo português. Num jantar em Coimbra para assinalar o Dia do Estudante, Marcelo Rebelo de Sousa considerou ainda que o valor do défice de 2016 é a prova de que com governos diferentes conseguem-se os mesmos objetivos.

  • Recuo na saúde é primeira derrota de peso para Donald Trump
    1:18

    Mundo

    O Presidente norte-americano sofreu esta sexta-feira uma derrota de peso. O líder da Câmara dos Representantes retirou a proposta do plano de saúde de Trump, que se preparava para um chumbo na câmara baixa do Congresso. Para já, mantém-se o Obamacare.

  • Pai do piloto da Germanwings defende inocência do filho

    Mundo

    O pai de Andreas Lubitz declarou esta sexta-feira que o filho não é o responsável pelo embate do avião da Germanwings contra um local montanhoso, que fez 150 mortos. O Ministério Público alemão concluiu em janeiro que o incidente em 2015 foi apenas da responsabilidade do piloto.