sicnot

Perfil

País

Erro obriga professores a devolverem subsídio de desemprego

Um erro das câmaras municipais vai obrigar os professores ao reembolso do subsídio de desemprego.

(Arquivo)

(Arquivo)

LUSA

De acordo com o Jornal de Notícias, algumas câmaras como Braga, Porto, Guimarães e Matosinhos fizeram uma contagem incorreta do tempo de serviço de professores das atividades extracurriculares.


Isto tudo porque as autarquias não declararam os descontos conforme um decreto lei instituído no ínicio de 2011, o que levou alguns professores a receberem um subsídio de desemprego superior aos salários.


Vários docentes estão a ser contactados pla segurança social para retificarem o número de dias de trabalho declarado entre janeiro de 2011 e junho de 2013. E em alguns dos casos, os reembolsos do subsídio recebido podem chegar aos 7 mil euros.


Em Braga, o vereador da CDU, Carlos Almeida, propôs que a câmara assumisse o valor dos reembolsos, uma proposta que acabou por não ser aprovada.

  • Dois jovens atropelados mortalmente no concelho de Montemor-o-Velho
    2:20
  • Presidente de "O Sonho" suspeito de peculato e fraude
    2:26

    País

    O presidente das três instituições de solidariedade social de Setúbal - incluindo "O Sonho" -, que na sexta-feira foram alvo de buscas, foi constituído arguido. Florival Cardoso é, por enquanto, o único suspeito de peculato e fraude na obtenção de subsídios para as instituições.

  • Manifestação contra mina de urânio junta milhares em Salamanca
    1:39
  • Assalto a Tancos e roubo de armas da PSP podem estar relacionados
    1:24

    País

    O assalto a Tancos e o roubo de armas da PSP, três recuperadas na semana passada, podem estar relacionados. O semanário Expresso avançou este sábado que há suspeitos de terem participado nos dois assaltos e o grupo, ou parte dele, atua principalmente do Algarve, com possíveis ligações a outras organizações espalhadas pelo país ou até transacionais.

  • Cessar-fogo de 30 dias na Síria
    2:07