sicnot

Perfil

País

CGTP condena "destruição" de 220 mil postos de trabalho em quatro anos

A CGTP considerou que os números da taxa de desemprego hoje divulgados não correspondem à taxa real e acusou o Governo de ter promovido uma "destruição brutal" de mais de 220 mil postos de trabalho nos últimos quatro anos.

"Passados quatro anos, a destruição de postos de trabalho foi brutal. Em comparação com o período homólogo de 2011, quando este Governo entrou em funções, foram mais de 220 mil postos de trabalho destruídos. O Governo diz que a descida é histórica, mas o que é histórico é a destruição de emprego", disse Armando Farias à agência Lusa.

De acordo com as contas elaboradas pela CGTP, os números hoje divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE) deixam de fora 500 mil emigrantes, 242 mil trabalhadores inativos disponíveis e 500 mil em situação de emprego e subemprego.

O dirigente sindical referiu igualmente que cerca de dois terços dos empregos criados são precários e que o número de desempregados de longa duração continua a aumentar, fixando-se já nos 64%.

Acresce ainda que "mais de 50% dos trabalhadores atualmente no desemprego não têm, nem subsídio de desemprego, nem subsídio social de desemprego", segundo o responsável.

Referiu ainda que uma parte do emprego criado prende-se com estágios profissionais, que contam atualmente com cerca de 100 mil trabalhadores. Em relação aos trabalhadores por conta própria, e numa comparação com o mesmo período do ano passado, houve uma quebra de 6,7%, de acordo com a CGTP.

"Do nosso ponto de vista, e olhando com algum rigor, não há crescimento económico sustentado. Há algum emprego que é precário o que significa que parte desses trabalhadores voltarão novamente a situações de desemprego e o que se revela aqui com maior relevância é que neste período de quatro anos foi brutal esta destruição de emprego", sublinhou.

No entender do dirigente sindical, "enquanto não forem resolvidos os principais problemas do ponto de vista de política macroeconómica -- o défice e a dívida -- não vamos ter crescimento económico sustentado [... ]e o problema mantém-se, porque o problema do desemprego é estrutural".

Segundo estimativas hoje divulgadas pelo INE, a taxa de desemprego fixou-se nos 11,9% de abril a junho, menos 1,8 pontos percentuais do que no trimestre anterior e 2,0 pontos percentuais abaixo do trimestre homólogo de 2014.

No primeiro trimestre deste ano, a taxa de desemprego tinha registado um aumento trimestral de 0,2 pontos percentuais (p.p.).

No segundo trimestre deste ano, o Instituto Nacional de Estatística (INE) aponta para uma diminuição trimestral de 13,0% e uma diminuição homóloga de 14,9% da população desempregada (menos 92,5 mil e menos 108,5 mil pessoas, respetivamente), para um total de 620,4 mil pessoas.

Lusa

  • Os melhores do mundo pela FIFA da última década

    Desporto

    O português Cristiano Ronaldo e o argentino Lionel Messi têm repartido de forma igual os prémios de melhor jogador do mundo pela FIFA, na última década. Apesar destes dois nomes serem os mais falados, muitos outros jogadores foram nomeados para o prémio. Conheça a lista dos nomeados e dos vencedores desde 2007.

  • "Avançámos em primeiro lugar com incentivos às empresas"
    18:07

    Economia

    O ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral, esteve na Edição da Noite da SIC Notícias para falar do que pode ser feito depois da tragédia dos incêndios que assolou o país na última semana. O governante diz que já avançou com incentivos às empresas afetadas e que neste momento o mais importante é preservar a segurança das pessoas.

    Entrevista SIC Notícias

  • Santana Lopes lamenta que Rui Rio tenha recusado debates com as bases do PSD
    0:40

    País

    Pedro Santana Lopes lamenta que Rui Rio tenha recusado a realização de debates com as bases do partido. Fernando Negrão, responsável pela candidatura de Santana Lopes à presidência do PSD, já tinha advertido em comunicado que a posição de Rui Rio poderia também inviabilizar quaisquer outros frente a frente, incluindo os organizados pela comunicação social. Santana Lopes está na Guarda, no primeiro jantar com apoiantes desde que anunciou a candidatura.

  • Tudo o que precisa saber sobre a moção de censura

    País

    O Governo minoritário do PS enfrenta na terça-feira a sua primeira moção de censura, a 29.ª em 43 anos de democracia, mas PCP, BE e PEV já anunciaram que vai "chumbar" a iniciativa do CDS-PP. Esta é a sétima moção de censura apresentada pelo CDS-PP e a 29.ª a ser discutida na Assembleia da República. Os três partidos de esquerda que têm apoiado o executivo, PCP, BE e PEV, já anunciaram que votam contra. Com os votos do PS, a moção é chumbada.

  • Gémeas correm risco de vida se não saírem de Gaza

    Mundo

    Duas irmãs gémeas siamesas correm risco de vida enquanto permanecerem em Gaza. Quem diz é o médico Alam Abu Hamba, do Hospital de Shifra, que garante que "situação complicada" das meninas não pode ser tratada por médicos no território costeiro, atulamente bloqueado pelo Egito e por Israel. Abu Hamba espera que o casal de gémeas possa ser transferido para fora da separação.

  • Encontrado corpo de menina posta de castigo na rua pelo pai

    Mundo

    Sherin Mathews estava desaparecida desde o dia 7 de outubro. Este domingo a polícia do estado norte-americano do Texas encontrou o corpo de uma criança que acreditam ser a menina de três anos, desaparecida depois de o pai a colocar de castigo na rua, durante a madrugada.

    SIC