sicnot

Perfil

País

ASAE combate jogo ilícito no Alentejo e apreende mais de 80 mil euros

A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica anunciou hoje a apreensão de mais de 80 mil euros, em equipamento e dinheiro em numerário, numa operação de combate ao jogo ilícito no Alentejo, em estabelecimentos de restauração e bebidas.

© Nguyen Huy Kham / Reuters


Em comunicado, a Autoridade de Segurança Alimentar e Económica revelou que a sua Unidade Regional do Sul efetuou diversas ações de fiscalização na semana passada, entre os dias 10 e 16, abrangendo restaurantes e bares em 16 localidades no Alentejo.

As ações resultaram na instauração de 12 processos-crime por exploração de jogos de fortuna ou azar fora de locais legalmente autorizados e oito processos de contraordenação por falta de autorização para a prática de modalidade afim de jogos de fortuna ou azar.

A operação, realçou a ASAE, envolveu a apreensão de 32 máquinas de jogo e um cofre, num valor global que "ultrapassa 80 mil euros, do qual se destaca cerca de 2.900 em numerário, apreendido num dos estabelecimentos fiscalizados".

O combate à exploração de jogos ilícitos de fortuna e azar enquadra-se nas atribuições da ASAE na área de fiscalização das atividades económicas.

  • BE diz que é urgente preparar o país para a saída do euro
    1:10

    País

    Catarina Martins diz que é urgente preparar o país para o cenário de saída do euro. No final da reunião da mesa nacional do Bloco de Esquerda, a coordenadora do partido criticou o encontro de líderes europeus em Roma e disse ainda que a Europa da convergência chegou ao fim.

  • "Mais UE não significa mais Europa"
    0:50

    País

    O secretário-geral do PCP insiste nas críticas à União Europeia. Um dia depois da comemoração dos 60 anos do Tratado de Roma, Jerónimo de Sousa defendeu, no Seixal, que o modelo europeu está esgotado e prejudica vários países, incluindo Portugal.

  • Aplicação WhatsApp acusada de permitir conversas secretas entre terroristas
    1:45
  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
    Perdidos e Achados

    Perdidos e Achados

    SÁBADO NO JORNAL DA NOITE

    O Perdidos e Achados foi conhecer como eram as férias de outros tempos. Quando o Estado Novo controlava o lazer dos trabalhadores e criava a ilusão de um país exemplar. Na Costa de Caparica, onde é hoje o complexo do INATEL estava instalada a maior colónia de férias do país, chamava-se "Um Lugar ao Sol".