sicnot

Perfil

País

Passos garante que não governará com o programa do PS

Passos garante que não governará com o programa do PS

As negociações entre a coligação PSD-CDS e o Partido Socialista podem ter terminado de vez. Depois do impasse na reunião de terça-feira, Pedro Passos Coelho disse esta quarta-feira que não tenciona voltar a reunir-se com António Costa. O líder do PSD diz que não faz sentido continuar as conversas enquanto o líder socialista não disser tudo o que exige e garante, desde já, que não governará com o programa do PS. No final da reunião, Costa tinha dito que não aceita que o programa do PS sirva apenas para "enfeitar a árvore de Natal do programa da coligação".

  • Reunião "absolutamente inconclusiva"
    3:05

    Novo Governo

    Passos Coelho diz que no encontro da coligação com o PS não se avançou rigorosamente nada. "A nossa reunião terminou de forma absolutamente inconclusiva, sem que do nosso lado tivesse ficado uma perceção daquilo que o PS pretende para que esta conversa possa ser consequente", disse aos jornalistas. PSD e CDS-PP estiveram reunidos durante mais de duas horas com António Costa para tentarem chegar a um entendimento quanto ao futuro governo, mas Costa considerou que as propostas levadas para a negociação eram insuficientes, cheias de lacunas e não respondem à vontade de se mudar de políticas.

  • "Não vou sujeitar o país a uma espécie de chantagem política"
    1:10

    Novo Governo

    Pedro Passos Coelho acusa o PS de chantagem política e diz mesmo que o país está refém do jogo político-partidário de António Costa. No final da reunião da concertação social, o primeiro-ministro disse ainda que não aceita governar com o programa do PS e recusou marcar novas reuniões para fazer de conta que há negociações.

  • Os diferentes cenários para o futuro governo
    2:11

    País

    Sem conclusões à vista, as negociações para formar o próximo governo estão num impasse. Há muitos cenários em cima da mesa e uma dúvida que só Cavaco Silva poderá esclarecer: o próximo primeiro-ministro vai ser Pedro Passos Coelho ou António Costa?

  • Madonna diz que América nunca desceu tão baixo
    2:12

    Mundo

    No mundo artístico, foram várias as vozes que se levantaram contra Trump, entre elas Madonna. A cantora disse esta quinta-feira em Nova Iorque, a propósito do dia da tomada de posse, que nunca a América desceu tão baixo. Já o ator Matthew McConaughey - que está em Londres - garantiu que não ia perder a cerimónia pela televisão.

  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.

  • Videoclipe mostra mulheres a fazer tudo o que é proibido na Arábia Saudita
    1:55

    Mundo

    Um grupo de mulheres canta, dança e faz outras coisas proibidas na Arábia Saudita como forma de protesto. O vídeo é uma crítica social à forma como as mulheres islâmicas são tratadas pelos maridos. Na letra constam frases como "Faz com que os homens desapareçam da terra" e "Eles provocam-nos doenças psicológicas". A ideia partiu de um homem, Majed al-Esa e já conta com 5 milhões de visualizações.

    Patrícia Almeida