sicnot

Perfil

País

Polícia Judicária deteve 53 suspeitos de atear incêndios em 2015

A Polícia Judiciária (PJ) anunciou hoje a detenção de um suspeito de ter ateado um incêndio florestal no Peso da Régua, distrito de Vila Real, elevando para 53 as pessoas detidas este ano por fogo posto.

(Lusa/ Arquivo)

(Lusa/ Arquivo)

Miguel Pereira da Silva

O homem de 44 anos e sem ocupação laboral foi detido por elementos da Unidade Local de Investigação Criminal da PJ de Vila Real.

Segundo referiu a polícia, em comunicado, o detido é suspeito de ter ateado um incêndio na localidade de Sedielos, em Peso da Régua, que consumiu uma mancha florestal, constituída por mato com cerca de 0,15 hectares.

O incêndio, que ocorreu ao final da tarde do dia 04 de agosto, colocou ainda em perigo uma "vasta área florestal, bem como algumas habitações, de valor elevado, que apenas não foram consumidas devido à rápida intervenção da população e dos bombeiros".

No combate a este fogo esteve envolvido um meio aéreo.

O suspeito vai ser presente a interrogatório judicial para aplicação de eventuais medidas de coação.

Este ano, a Polícia Judiciária já identificou e deteve 53 pessoas pela autoria do crime de incêndio florestal.

Lusa

  • Obama diz que Guterres "tem uma reputação extraordinária"
    1:38

    Mundo

    António Guterres diz que vai trabalhar com Barack Obama e também com Donald Trump, na reforma das Nações Unidas. O futuro secretário-geral da ONU foi recebido por Obama, na Casa Branca, onde recebeu vários elogios do presidente norte-americano.

  • Mãe do guarda-redes da Chapecoense comove o Brasil
    1:37
  • Morreu o palhaço que fazia rir as crianças de Alepo

    Mundo

    Anas al-Basha, mais conhecido como o Palhaço de Alepo, morreu esta terça-feira durante um bombardeamento aéreo na zona dominada pelos rebeldes. O funcionário público mascarava-se de palhaço para ajudar a trazer algum conforto e alegria às crianças sírias, que vivem no meio de uma guerra civil.