sicnot

Perfil

País

Número de diabéticos a fazer rastreio aos olhos sofre "redução preocupante"

O número de pessoas com diabetes a fazer rastreio a complicações nos olhos teve uma "redução preocupante" em 2014, de 17%, mas aumentou a avaliação dos pés e o número de amputações registou o valor mais baixo da década.

© Mario Anzuoni / Reuters

Os dados constam do relatório "Factos e Números da Diabetes do Observatório Nacional de 2014", a ser hoje apresentado, que dá conta de que o número de pessoas rastreadas para a retinopatia diabética no âmbito dos programas de rastreio passou de 115.284 para 95.535, entre 2013 e 2014, o que significa que estes rastreios atingiram apenas 13% dos diabéticos registados nos cuidados de saúde primários do Serviço Nacional de Saúde (SNS).

No entanto, o número de pessoas com diabetes abrangidas pelos Programas de Rastreio da Retinopatia Diabética tem vindo a subir desde 2009, registando um aumento de 223% nestes anos.

Esta tendência verificada com o rastreio à retinopatia diabética é igualmente visível no número de pessoas identificadas para tratamento.

Em sentido contrário, o relatório regista um aumento da avaliação do "pé diabético", outra das complicações da doença, e uma diminuição das amputações.

Em 2014, o número total de amputações dos membros inferiores, por diabetes, registou uma "quebra significativa", que se encontra associada à diminuição das amputações major, "apresentando o valor mais baixo desde que existe informação disponibilizada" (ano 2000).

Segundo o relatório, o número total de amputações baixou de 1.782 em 2005 para 1.385 (menos 397), sendo que, no mesmo período, as amputações major caíram das 958 para 560 (menos 42%).

Em termos de internamentos hospitalares por "pé diabético", o documento indica que em 2014 houve um decréscimo de 141 episódios, comparativamente com o ano anterior.

Lusa

  •  Detetados cerca de 150 novos casos de diabetes por dia em 2014

    País

    A prevalência da diabetes em Portugal voltou a aumentar em 2014, atingindo mais de 13% da população, assim como aumentaram os internamentos destes doentes e os casos de diabetes gestacional, revela o relatório anual da diabetes, hoje divulgado. O documento sublinha que em 2014 foram detetados cerca de 150 novos casos de diabetes por dia e que quase metade dos doentes com diabetes (40%) não sabe que tem a doença, permitindo a sua progressão silenciosa e das suas complicações.

  • "Putin é uma ameaça maior do que o Daesh"
    0:24

    Mundo

    O senador norte-americano John Mccain atacou Vladimir Putin dizendo que é uma ameaça maior do que o Daesh. O antigo candidato à Casa Branca acusa a Rússia de querer destruir a democracia ao tentar manipular o resultado das presidenciais dos Estados Unidos.

  • "Não podemos fazer de Lisboa uma cidade para turistas"
    2:44

    Opinião

    Miguel Sousa Tavares analisou esta segunda-feira, no Jornal da Noite da SIC, o mandato de Fernando Medina na Câmara de Lisboa. O comentador da SIC defendeu que o autarca tem "muitos problemas por resolver" e que a Câmara tem investido "mais na recuperação de zonas em que os lisboetas praticamente não conseguem ir". Sousa Tavares disse ainda que Lisboa não pode ser uma cidade para turistas.

    Miguel Sousa Tavares

  • "É muito importante ceder à tentação de se abolir a liberdade"
    1:06
  • Menos casos de sida em Portugal
    1:44