sicnot

Perfil

País

Oito examinadores suspensos do exercício de funções públicas

Foram ouvidos pelo juiz do Tribunal Central de Acção Penal os suspeitos de fraude com cartas de condução. Treze pessoas foram detidas anteontem na zona norte numa grande operação da Polícia Judiciária.

Arquivo

Arquivo

SIC

Dos 13 detidos, um ficou em prisão preventiva, nove em prisão domiciliária e três foram obrigados a prestar caução. Estão ainda proibidos de estabelecerem qualquer contacto entre eles.

Aos oito examinadores do centro de exames do ACP do Porto foi também aplicada a suspensão imediata do exercício de funções públicas.

Para além dos examinadores, foram também detidos donos e funcionários de escolas de condução. A PJ e o Ministério Público acreditam ter desmantelado uma rede que a troco de 5 mil euros conseguia fazer com que os alunos passassem o exame de código.

A fraude consistia em equipar os candidatos com meios de transmissão em directo de imagem e recepção áudio via rádio. Os alunos com microcâmaras filmavam os exames e do exterior recebiam as respostas certas.

  • Atacantes usaram "tática defendida pelos extremistas do Daesh"
    1:43

    Ataque em Barcelona

    O ex-presidente do Observatório de Segurança, Criminalidade Organizada e Terrorismo esteve em direto, para a SIC Notícias, onde falou sobre o ataque desta quinta-feira nas Ramblas, em Barcelona. José Manuel Anes falou na tática defendida na revista dos extremistas do Daesh e que foi usada neste ataque: a utilização de viaturas "de preferência as mais pesadas para matar o maior número de pessoas".