sicnot

Perfil

País

Condutor alcoolizado condenado pelo crime de homicídio por negligência grosseira

O tribunal de Famalicão condenou a 3 anos de prisão com pena suspensa o homem que atropelou uma família e matou um dos elementos ao conduzir embriagado.

A justiça condenou-o pelo crime de homicídio por negligência grosseira. Ficou provado que o condutor de 75 anos tinha uma taxa de álcool no sangue de 3,37 gramas por litro, seis vezes mais do que o permitido por lei.

Um homem de 65 anos morreu e duas pessoas ficaram feridas no acidente do verão do ano passado. O arguido ficou inibido de conduzir durante 26 meses.

  • Atropelamento mortal em julgamento
    1:11

    País

    Começou hoje a ser julgado, em Famalicão, um condutor que atropelou oito pessoas em setembro do 2013. Uma pessoa morreu e as restantes ficaram feridas. O arguido que apresentava uma taxa de alcoolemia de 3,27 está acusado de homicidio por negligência.

  • Marcelo saúda "forma rápida" como Conselho de Ministros "tratou de tudo"
    1:03

    País

    O Presidente da República lembra que é preciso convergência de forma a adotar rapidamente as medidas mais urgentes do plano de emergência. No concelho de Tábua, Marcelo Rebelo de Sousa destacou ainda os esforços do Conselho de Ministros, mas lembrou que as medidas anunciadas são apenas o início de um processo e não o fim.