sicnot

Perfil

País

Açores sob aviso laranja devido a vento e chuva

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) emitiu hoje um aviso laranja para a maior parte das ilhas dos Açores devido às previsões de vento e chuva.

© Arko Datta / Reuters


As ilhas de São Miguel e Santa Maria (grupo oriental) estão sob aviso laranja -- o segundo mais grave numa escala de quatro -- até às 21:00 de hoje, devido ao vento, indica o Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores (SRPCBA).

O mesmo sucede com as cinco ilhas do grupo central (Pico, Faial, São Jorge, Graciosa e Terceira) que estão ainda sob alerta amarelo por causa da precipitação, até às 18:00, e da agitação marítima até às 12:00 de segunda-feira.

Para o grupo ocidental (Corvo e Flores) foi emitido alerta laranja devido à chuva (até às 09:00), e amarelo por causa do vento e da agitação marítima.

O primeiro estende-se até às 09:00 de hoje, enquanto o amarelo devido ao vento dura até às 23:00 e o da agitação marítima se prolonga até à tarde de segunda-feira (18:00).

Lusa

  • Trump desafia Oprah a candidatar-se para ser "derrotada como todos os outros"

    Mundo

    Apesar de Oprah Winfrey ter excluído uma eventual candidatura às eleições presidenciais dos Estados Unidos da América, Donald Trump ainda não se esqueceu dos rumores e desafiou a apresentadora a candidatar-se em 2020. Através do Twitter, o Presidente norte-americano disse ainda que assim poderia ser "exposta e derrotada como todos os outros".

    SIC

  • Mulher enterrada viva no Brasil
    1:13

    Mundo

    Uma mulher de 37 anos terá sido enterrada viva no oeste da Bahia, no Brasil. A certidão de óbito aponta um choque séptico como a causa da morte, mas os ferimentos com que foi encontrada no interior do caixão indicam um possível erro. Os moradores de casas vizinhas do cemitério municipal onde Rosângela dos Santos foi enterrada ouviram gritos vindos do túmulo.

  • António Guterres, "o governante mais amado desde sempre em democracia"
    2:27

    País

    António Guterres foi distinguido com o grau de honoris causa pela Universidade de Lisboa. A cerimónia decorreu esta manhã e contou com a presença do Presidente da República e do primeiro-ministro. Marcelo Rebelo de Sousa sublinhou que Guterres foi o governante mais amado da democracia portuguesa.