sicnot

Perfil

País

Centros de saúde vão poder referenciar doentes para hospitais com menos listas de espera

Os centros de saúde vão poder referenciar os doentes para os hospitais com menos listas de espera, independentemente da área de residência dos utentes.

(Arquivo)

(Arquivo)

SIC

A escolha das unidades de saúde será feita em conjunto com os utentes.

Os médicos de família limitar-se-ão a indicar os hospitais onde será mais rápido realizar consultas, cirurgias ou exames e caberá aos doentes escolher. O objetivo é reduzir as listas de espera, aproveitando os recursos disponiveis no SNS, sem ter de enviar doentes para os privados, como agora acontece.

A medida faz parte de um pacote com o qual o Governo quer reformar o Serviço Nacional de Saúde e é para ser implementada em 2016.

  • Menino perdido na Praia da Luz foi levado à GNR por turista
    1:11

    País

    Um menino inglês, de sete anos, esteve desaparecido na quinta-feira na Praia da Luz, no Algarve, depois de se ter perdido dos pais. A GNR colocou duas equipas de investigação no local, mas ao fim de uma hora e meia o rapaz apareceu na esquadra de Lagos acompanhado por um turista a quem terá pedido ajuda.

  • Mais viagens mas menos turistas de Portugal
    1:22

    País

    Os residentes em Portugal - sejam portugueses ou estrangeiros - realizaram quatro milhões de viagens turísticas, só no primeiro trimestre do ano. Um aumento de mais de 6% nas viagens dentro do país face ao período homólogo e de mais de 15% nas viagens para fora, de avião. O estudo é do INE, o Instituto Nacional de Estatística, que permite fazer o retrato mais claro de quem viaja e porquê.

  • Algarve sozinho gera metade dos bens transacionáveis em Portugal
    4:14

    SIC 25 Anos

    O Algarve quase não tem indústria e os especialistas consideram que é excessivamente dependente do turismo. Ainda assim, sozinho contribui com metade do que Portugal gera em bens transacionáveis. A região tem problemas graves, como a falta de médicos e um custo de vida muito alto, mas continua a atrair a maior parte dos turistas e muitos estrangeiros decidem mesmo escolher a região para viver.