sicnot

Perfil

País

Número de turistas que visitam a Universidade de Coimbra duplicou em quatro anos

O número de turistas que visitam a Universidade de Coimbra mais do que duplicou em quatro anos, passando de 160 mil em 2012 para 355 mil em 2015, disse à agência Lusa o vice-reitor Luís Menezes.

(Arquivo)

(Arquivo)

LUSA

Neste ano, 355 mil turistas de mais de 60 países diferentes visitaram a Universidade de Coimbra (valor contabilizado até 21 de dezembro), registando-se um aumento de cerca de 20% face a 2014, em que passaram pela instituição 293 mil visitantes, informou Luís Menezes.

Quanto à origem dos visitantes, em primeiro lugar surge França, que representa 23% do total de visitantes, seguida depois do Brasil e Itália com 10%, segundo e terceiro respetivamente, Espanha com 09%, Alemanha também com 09% e em sexto Portugal, com 08% dos visitantes (em que estão também incluídas as visitas escolares).

Um dos mercados que está a crescer "é o dos Estados Unidos da América", que passou de 4% dos visitantes totais para 6%, antevendo-se um aumento em 2016, acompanhado de uma aposta de promoção da Universidade de Coimbra naquele país, frisou Luís Menezes.

Para 2016, a Universidade de Coimbra já tem 150 mil pré-reservas. No entanto, o vice-reitor considera que não é sustentável continuar a crescer a um ritmo de dois dígitos por ano (nos últimos anos o número de visitantes tem crescido cerca de 20% ao ano).

"É demais [esse crescimento]", apontou, sublinhando que o crescimento será feito com a abertura "de novos espaços e novos programas" para "diluir um pouco a pressão nos meses mais críticos" de afluência de turistas.

Para não sobrecarregar a Biblioteca Joanina, a UC vai lançar em 2016 novos produtos e novos programas que não incluam uma visita a este espaço, mas a outros, como o Sala do Trono ou as galerias de zoologia e física do Colégio de Jesus, avançou.

O produto já foi testado "e as pessoas ficaram encantadas", referiu, frisando que, quando terminar a recuperação do Jardim Botânico, este espaço também irá integrar estes novos programas de visita à UC.

Luís Menezes realçou ainda a criação de um bilhete conjunto com o Portugal dos Pequenitos, formalizada recentemente, e adiantou que estará para breve a apresentação de um bilhete idêntico com o Museu Nacional Machado de Castro.

"O crescimento do turismo em Portugal tem sido muito intenso e a Universidade de Coimbra aproveitou muito bem esse crescimento", garantindo um aumento do turismo "superior à média nacional", referiu Luís Menezes.

O turismo acaba também por ser importante para as obras de recuperação do património da UC, sendo que há a perspetiva de se "criar um fundo sustentável" que permita "uma intervenção de fundo" na Biblioteca Joanina, podendo, nessa altura, haver alterações ao seu esquema de funcionamento - só são permitidas 60 pessoas a cada 20 minutos por razões de conservação.

Lusa

  • Marinha e Exército dão luz verde ao Aeroporto do Montijo

    País

    De acordo com a edição deste domingo do Diário de Notícias, o Exército e a Marinha já comunicaram à Força Aérea disponibilidade para desocupar parcialmente a base aérea e o Montijo se transformar num num aeroporto complementar ao de Lisboa.

  • Militares tentam acabar com guerra entre traficantes na Rocinha, Rio de Janeiro
    3:07

    Mundo

    As últimas horas têm sido de tensão no Rio de Janeiro depois dos tiroteios que começaram desde que uma das principais favelas da cidade foi ocupada por militares na sexta-feira. As forças federais foram acionadas para auxiliarem a polícia, que há vários dias tenta acabar com a guerra entre fações de traficantes de droga.

  • Irão lança míssil de médio alcance
    1:13

    Mundo

    Três dias depois do discurso hostil de Donald Trump nas Nações Unidas, o Irão testou um novo míssil de médio alcance que atingiu uma altura de dois mil quilómetros. Teerão diz que o teste não viola o acordo nuclear.

  • Trump renovou as ameaças à Coreia do Norte
    1:30
  • Atrás das Câmaras em Pedrógão Grande
    3:37
    Atrás das Câmaras

    Atrás das Câmaras

    DIARIAMENTE NA SIC E SIC NOTÍCIAS

    A carrinha do "Atrás das Câmaras" continua pelo país a mostrar aquilo que alguns políticos ignoram. Este sábado a equipa da SIC esteve em Pedrógão Grande, 99 dias após o incêndio que fez 64 mortos e 200 feridos.

  • Morreu Charles Bradley, uma das lendas do soul

    Cultura

    O cantor Charles Bradley morreu este sábado aos 68 anos. O músico norte-americano foi diagnosticado com cancro no ano passado. A notícia da morte foi confirmada na página oficial do cantor no Facebook.