sicnot

Perfil

País

Vinte carros arrastados em enxurrada na Ribeira Grande, Açores

A chuva intensa que hoje caiu no concelho da Ribeira Grande, ilha de São Miguel, Açores, provocou uma enxurrada que arrastou cerca de 20 carros na freguesia de Santa Bárbara, disse à agência Lusa o presidente da câmara local.

"Devido à chuva forte, houve uma enxurrada na rua do Biscoito que arrastou cerca de 20 carros, mas só há danos materiais", afirmou Alexandre Gaudêncio, explicando que a via é inclinada e no momento da chuva intensa, pelas 17:00 (18:00 em Lisboa), estavam muitos carros estacionados por ser dia de Natal.

Alexandre Gaudêncio referiu que a limpeza da via já está em curso pelo Serviço Municipal de Proteção Civil, com o apoio de equipamento do Governo Regional.

"Temos várias equipas mobilizadas, incluindo das juntas de freguesia, e também maquinaria da Secretaria Regional do Turismo e Transportes", adiantou.

Segundo o autarca, a "enxurrada deveu-se ao facto de o solo já não conseguir absorver água, dada a pluviosidade intensa que se tem registado nas últimas semanas", referindo ter havido, ainda, na freguesia da Ribeirinha uma "pequena derrocada".

O Governo Regional dos Açores fez saber que os secretários regionais do Turismo e Transportes, Vítor Fraga, e da Agricultura e Ambiente, Luís Viveiros, "estão no local a acompanhar os efeitos das enxurradas na freguesia de Santa Bárbara".

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera colocou sob aviso amarelo o grupo oriental do arquipélago dos Açores (ilhas de São Miguel e Santa Maria) devido à previsão de chuva até às 07:00 de sábado (hora de Lisboa).

O mesmo aviso foi emitido para o grupo central (Graciosa, Faial, Terceira, Pico e São Jorge) até às 24:00 de hoje.

O aviso amarelo é o segundo menos grave de uma escala de quatro e representa uma situação de risco para determinadas atividades dependentes da situação meteorológica.

Lusa

  • Trump cria linha de apoio a vítimas de "extraterrestres criminosos"

    Mundo

    Quando o Governo norte-americano usa o termo "extraterrestre criminoso", refere-se a alguém que não é cidadão dos Estados Unidos da América e que foi condenado por um crime. Quando a mesma expressão é usada pelos utilizadores do Twitter, o significado é completamente diferente. Os internautas pensam na série Ficheiros Secretos e em discos voadores. Por isso, o lançamento de uma linha telefónica, por parte da Casa Branca, para as vítimas de "extraterrestres criminosos" só podia dar em confusão.

  • Casados há 69 anos, morrem de mãos dadas com 40 minutos de diferença

    Mundo

    Isaac Vatkin, de 91 anos, morreu cerca de 40 minutos depois de Teresa, de 89 anos, no passado sábado no Highland Park Hospital, no estado norte-americano Ilinóis. "Não queríamos que fossem embora, mas não podíamos pedir que partíssem de melhor maneira", afirmou o neto William Vatkin. O casal morreu no hospital poucos dias depois de celebrarem 69 anos de casados.