sicnot

Perfil

País

PJ do Funchal detém alegado violador de idosa que morreu na sequência do crime

A Polícia Judiciária (PJ) informou hoje que deteve um homem de 54 anos por suspeita de violação de uma mulher de 88, que morreu na sequência do crime, em Santana, na Madeira.

(Arquivo)

(Arquivo)

SIC

"A Polícia Judiciária, através do Departamento de Investigação Criminal do Funchal e em colaboração com a PSP de Santana, identificou e deteve um homem, de 54 anos, pela prática de um crime de violação agravada", refere o comunicado.

"A vítima viria a falecer na sequência desses acontecimentos", acrescenta.

Segundo a PJ, os factos ocorreram no domingo, dia 31 de janeiro, e "entre a vítima e agressor existia uma relação de afinidade", não especificada.

Submetido a interrogatório judicial, o detido ficou em prisão preventiva.

Lusa

  • Negócios do fogo
    22:00

    Reportagem Especial

    Todos os anos, o Estado gasta centenas de milhões de euros para financiar os meios de combate aos incêndios. A reportagem especial da SIC denuncia falta de rigor e clareza em muitos dos negócios.

  • Porque têm as tempestades nomes?
    0:49

    País

    As tempestades passaram a ter um nome, partilhado pelos serviços de meteorologia de Portugal, França e Espanha. Nuno Moreira, chefe de divisão de previsão meteorológica do IPMA, foi convidado da Edição da Noite da SIC Notícias para explicar que este método é também uma forma de sinalizar a dimensão das tempestades.

  • "Não podemos gastar o dinheiro e depois os filhos e os netos é que pagam"
    2:05

    Opinião

    Miguel Sousa Tavares analisou esta segunda-feira, no habitual espaço de comentário no Jornal da Noite, o reembolso antecipado ao FMI. O comentador da SIC defendeu que seria mais vantajoso se Portugal reembolsasse mais depressa, antes da subida das taxas de juro. Miguel Sousa Tavares considerou ainda que o reembolso da dívida é uma boa notícia, pois seria "desleal" deixar a dívida para "os filhos e os netos" pagarem.

    Miguel Sousa Tavares

  • Os efeitos da tempestade Ana em Portugal
    1:43
  • Fortes nevões no norte da Europa
    0:59

    Mundo

    A tempestade Ana não causou apenas estragos em Portugal, mas também na Galiza, com a queda de árvores e cheias nas zonas ribeirinhas. No norte da Europa, as baixas temperaturas provocaram fortes nevões e paralisaram a Grã-Bretanha, com voos cancelados, escolas fechadas e estradas cortadas.