sicnot

Perfil

País

Montanhistas negligentes podem ter de pagar pelo resgate no Pico, Açores

Montanhistas negligentes podem ter de pagar pelo resgate no Pico, Açores

Em menos de um mês, dois grupos de pessoas que faziam caminhadas no Parque Nacional da Peneda-Gerês pediram para ser socorridos, por estarem desorientados, molhados e cansados. No Pico, nos Açores, o regulamento de acesso à montanha prevê que a despesa do resgate possa ter de ser paga pelo resgatado. No continente, nenhuma área protegida tem qualquer regra semelhante, mas as autoridades alertam para que é preciso ter em atenção as condições meteorológicas e evitar fazer atividades na natureza em dias de chuva, trovoada ou nevoeiro. Os clubes de montanhismo aconselham mesmo formação para quem se quer aventurar em determinados trilhos naturais.

  • Um dos resgatados do Gerês continua em observação no Hospital de Braga
    2:49

    País

    Foram encontradas as oito pessoas que estavam perdidas no Gerês. O mau tempo dificultou a operação de resgate e só 23:30 é que os caminhantes chegaram à zona onde estavam estacionados os meios de socorro. As oito pessoas, que foram fazer um trilho pedestre no concelho de Terras de Bouro, acabaram por pedir socorro, devido a desorientação, ao cansaço e ao frio.

  • Resgate na Peneda-Gerês só terminou de madrugada
    2:54

    País

    A operação de resgate de seis pessoas que ficaram isoladas na Serra da Gerês, só terminou de madrugada. Foi uma missão complicada para os mais de 80 homens da GNR e dos bombeiros que tiveram de se deslocar a pé e que acabaram por ter de transportar um homem numa maca ao longo de 18 km. Um dos 6 resgatados teve de ser hospitalizado com hipotermia. De resto todos os elementos do grupo estão bem.

  • Porque é que Melania e Ivanka vestiram preto para conhecer o Papa

    Mundo

    Melania e Ivanka chegaram ao Vaticano de preto, uma escolha muito questionada. De vestidos longos e véus, as mulheres Trump seguiram assim o dress code aconselhado nas audiências com o Papa. Também Michelle Obama usou uma vestimenta do género, em 2009, quando visitou Bento XVI.

  • Escola de Vagos castiga alunos por protesto contra a homofobia e preconceito

    País

    Os alunos da Escola Secundária de Vagos, no distrito de Aveiro, organizaram um protesto contra o que consideram homofobia e preconceito. Segunda-feira, depois de duas alunas se terem beijado foram chamadas à direção da escola, que as terá informado que não podiam beijar-se em público. O protesto foi gravado e partilhado nas redes sociais. Em declarações à SIC Notícias, um dos alunos disse que todos os envolvidos no protesto vão ser alvos de um processo disciplinar. O Bloco de Esquerda já pediu esclarecimentos ao Ministério da Educação.

    EXCLUSIVO

    Rita Pedras