sicnot

Perfil

País

Conselho de Escolas contra novo modelo de avaliação

O Conselho de Escoloas chumbou o novo modelo de avaliação e as respetivas alterações que o Governo pretendia impôr durante este ano letivo.

Lusa

Num parecer encomendado pelo Ministério da Educação, os diretores de escolas defendem os exames no 6º ano e as provas de aferição nos 4º e 8º anos, facto que vai contra a tese defendida pelo ministro Tiago Brandão Rodrigues, de que as escolas estariam a favor das alterações já este ano letivo.

De acordo com o DN, o Conselho de Escola invoca a estabilidade do sistema de ensino e a exigência que os testes introduzem no sistema de avaliação

De acordo com o parecer, as mudanças são defendidas mas nunca durante este ano letivo já que as mudanças mecem com a vida de alunos, professores e escolas.

  • "Nobel é um incentivo para toda uma nação"
    1:19