sicnot

Perfil

País

Supremo confirma incompetência da Justiça no caso swap do Santander

O Supremo Tribunal de Justiça (STJ) confirmou as decisões da Primeira Instância e da Relação declarando a incompetência dos tribunais portugueses para julgar o litígio relativo a um contrato 'swap' entre a Sociedade Ponta Oeste e o Banco Santander Totta.

(Arquivo)

(Arquivo)

© Andrea Comas / Reuters

Segundo o sumário do acórdão do STJ a que a agência Lusa teve acesso, "basta para internacionalizar a relação obrigacional a simples possibilidade, contratualmente prevista, de o respetivo cumprimento ocorrer no estrangeiro".

No início de janeiro de 2015, a Instância Central da Comarca de Lisboa já se tinha declarado incompetente relativamente a este processo, tal como aconteceu em meados de junho, após o recurso da sociedade madeirense para o Tribunal da Relação de Lisboa.

Segundo um comunicado do banco, "no que se refere às empresas públicas da Madeira, esta é a segunda decisão do STJ num curto espaço de tempo - a primeira foi a da Sociedade de Desenvolvimento Porto Santo - no sentido de afirmar a incompetência dos tribunais portugueses para decidir estes 'swaps'".

O Santander Totta alegou que os 'swaps' são "um produto do mercado internacional em que os bancos atuam como intermediários de partes localizadas em diferentes ordenamentos jurídicos" e, por isso, são regidos pelo ISDA Master Agreement, constante nos contratos celebrados.

O STJ destacou que cumpre "realçar que resulta da matéria de facto provada que foi a própria (Sociedade Ponta Oeste) a propor (ao banco) as cláusulas que integram os contratos em litígio, objeto, aliás, de um específico procedimento negocial em que a (Sociedade Ponta Oeste) foi devidamente coadjuvada por outra entidade bancária".

Daí, a sentença refere que "estando assente a aplicabilidade ao pacto de jurisdição (...) e ponderada a sua autonomia e completude (...) resta confirmar o decidido pelas instâncias, no sentido da vinculação (da Sociedade) ao pacto de jurisdição que celebrou com a contraparte, o que naturalmente envolve a procedência da exceção dilatória de incompetência internacional dos tribunais portugueses para a presente ação".

O banco realçou em comunicado que, globalmente, "foi a quinta decisão do STJ a dar razão ao Banco Santander Totta em processos 'swap'".

Lusa

  • Taxa de desemprego abaixo dos 10%

    Economia

    A taxa de desemprego em fevereiro ficou afinal nos 9,9%. O Instituto Nacional de Estatística reviu o indicador em baixa de 0,1 pontos percentuais, esta sexta-feira. É o valor mais baixo desde fevereiro de 2009.

  • "Tanolas" tem cadastro criminal e já foi condenado a pena suspensa
    0:55
  • Montenegro nunca será candidato contra Passos
    0:50
  • Dijsselbloem não comenta hipótese de ser substituído por Mário Centeno
    2:41

    Mundo

    Jeroen Dijsselbloem diz que cabe ao Governo português avançar com o nome de Mário Centeno para a presidência do Eurogrupo, mas não comenta a sondagem que foi feita ao ministro das Finanças português. Ouvido esta quinta-feira no Parlamento Europeu, o Presidente do Eurogrupo esteve no centro das críticas e reafirmou que não se demite.