sicnot

Perfil

País

Dúvidas na estratégia da esquerda e elogios ao governador do Banco de Portugal

Dúvidas na estratégia da esquerda e elogios ao governador do Banco de Portugal

Pedro Passos Coelho diz que, se por milagre, a estratégia orçamental do Governo resultar, ele será o primeiro a apelar ao voto no PS, PCP e Bloco de Esquerda. Em entrevista à SIC, o líder do PSD alerta para os riscos de restruturar a dívida e elogia a atuação do governador do Banco de Portugal. Passos Coelho diz ainda que o executivo está a arriscar demais para quem acredita que vai governar quatro anos.

  • "O país não precisa de andar sempre em eleições"
    18:50

    País

    Precisamente no dia em que apresentou a moção estratégica de recandidatura à liderança do PSD, Pedro Passos Coelho dá a primeira grande entrevista à SIC. Fala sobre o Orçamento do Estado, as fragilidades da banca ou a atuação do Governador do Banco de Portugal. Para o ex-primeiro-ministro, "O país não precisa de andar sempre em eleições". Uma entrevista conduzida pelo editor de Política, Anselmo Crespo.

  • "Joguem à bola"
    1:35

    Desporto

    Cerca de uma centena de adeptos do Sporting esperaram até perto das 3:00 pela chegada da equipa ao estádio de Alvalade. Depois da eliminação da Taça de Portugal, em Chaves, foi necessário o reforço policial para garantir a segurança da comitiva leonina.

  • Oposição diz que défice abaixo dos 2,3% se deve ao aumento de impostos
    2:24

    Economia

    O défice de 2016 vai ficar abaixo dos 2,3%, uma garantia dada pelo primeiro-ministro durante o debate quinzenal desta terça-feira. A oposição diz que o resultado é bom para o país mas que se deve a um aumento de impostos, feito pelo Governo no ano passado, e ao trabalho do PSD e do CDS nos anos anteriores.

  • Obama encurta pena de delatora do Wikileaks
    1:45
  • Putin sai em defesa de Trump
    2:29

    Mundo

    Vladimir Putin já saiu em defesa de Donald Trump e diz que houve uma tentativa de minar o Presidente eleito dos Estados Unidos, através de um alegado relatório, atribuido à espionagem russa. Putin diz que o relatório é falso.