sicnot

Perfil

País

GNR obrigada a intervir no velório de Rodrigo Lapa em Portimão

GNR obrigada a intervir no velório de Rodrigo Lapa em Portimão

O velório de Rodrigo Lapa ficou marcado esta noite pela intervenção da GNR quando os populares começaram a dirigir à mãe do jovem assassinado em Portimão palavras hostis e acusações. Os militares entraram na capela e foi sob escolta que a mulher deixou o local. O repórter da SIC, João Tiago, acompanhou o velório e relatou a situação.

  • PJ na casa do jovem encontrado morto em Portimão

    País

    A Polícia Judiciária está na casa onde viva Rodrigo Lapa, o jovem encontrado hoje, sem vida, depois de ter desaparecido há mais de uma semana. No local estão vários inspetores e elementos da polícia científica. As autoridades delimitaram um perímetro de segurança.

  • Amiga do pai de Rodrigo fala em relação difícil entre o rapaz e o padrasto
    1:44

    País

    O adolescente encontrado morto em Portimão foi autopsiado esta manhã. O resultado ainda não é conhecido, mas o corpo de Rodrigo Lapa apresentava evidentes sinais de violência. O padrasto é o principal suspeito e viajou para o Brasil. A mãe foi ouvida pela Polícia Judiciária mas está em liberdade. A SIC falou com uma amiga do pai de Rodrigo que diz que o rapaz se queixava de maus tratos por parte do padrasto.

  • Joaquim Lara Pinto, principal suspeito da morte de Rodrigo
    2:17

    País

    Joaquim Lara Pinto é o principal suspeito da morte de Rodrigo Lapa. O homem de 42 anos estava desempregado. Viajou para o Brasil no dia em que Rodrigo, de 15 anos, desapareceu. A viagem tinha sido comprada há cerca de um mês. A mãe reafirma que Rodrigo e o padrasto tinham uma relação cordial.

  • Velório de Rodrigo Lapa com fortes medidas de segurança
    2:26

    País

    O corpo do jovem assassinado em Portimão começou a ser velado, esta tarde, sob fortes medidas de segurança. Horas antes, a irmã de Rodrigo, com apenas seis meses, foi retirada à mãe por determinação da Comissão de Proteção de Crianças e jovens. A mãe de Rodrigo Lapa terá tentado proteger o companheiro e ocultou factos à polícia. O padrasto acusava o jovem de lhe ter roubado dinheiro para comprar um telemóvel.

  • Frio no fim de semana, regiões do interior podem chegar aos -5 °C
    1:23
  • Bombeiro ferido nos fogos de Pedrógão Grande regressou a casa
    2:33

    Tragédia em Pedrógão Grande

    Seis meses depois dos incêndios de Pedrógão Grande, regressou a casa o último dos bombeiros de Castanheira de Pera que estava internado desde junho. Rui Rosinha esteve em coma mais de dois meses e tem ainda pela frente uma longa recuperação. O bombeiro não quer que o país esqueça o que aconteceu e espera que as duas tragédias deste ano (fogos de junho e outubro) sirvam de lição para o futuro.

  • Pedrógão Grande, seis meses depois - documentário Expresso
    0:29
  • Ilhas Selvagens são um tesouro no Atlântico que é preciso preservar
    2:33
  • PS volta a subir nas intenções de voto e não baixa dos 40%
    2:01