sicnot

Perfil

País

Marcelo Rebelo de Sousa quer reforçar autoestima dos portugueses

O Presidente da República eleito, Marcelo Rebelo de Sousa, defendeu hoje a necessidade de reforçar a autoestima dos portugueses nos próximos anos.

JOS\303\211 SENA GOUL\303\203O

"Uma das ideias para os próximos anos é aumentarmos a nossa autoestima", disse Marcelo Rebelo de Sousa, nos Paços do Concelho de Oliveira do Hospital, no distrito de Coimbra, ao participar numa cerimónia integrada na abertura da 25ª. Festa do Queijo Serra da Estrela.

Na sua opinião, "o povo português é extraordinário e não há razão nenhuma" para que os governantes e demais titulares do poder político "não sejam extraordinários" no desempenho das suas funções.

Na sessão, foram distinguidas várias pequenas e médias empresas (PME), o que levou Marcelo Rebelo de Sousa a afirmar que as PME, "por aquilo que fazem, são grandes empresas" que estão "todos os dias a mudar Portugal", criando riqueza e emprego.

Os produtores de queijo com denominação de origem protegida (DOP) da Serra da Estrela e de outros bens tradicionais podem "dinamizar economicamente uma região e, ao mesmo tempo, criar envolvimento e proximidade das pessoas", disse, antes de visitar o recinto da feira, no centro da cidade de Oliveira do Hospital.

O Presidente da República eleito, que esta semana substituirá Aníbal Cavaco Silva no Palácio de Belém, invocou as suas origens em Celorico de Basto e Covilhã, para defender o país possa ser pensado a partir do interior e não do litoral e dos grandes centros urbanos.

"E por que é que não se há de pensar Portugal a partir do interior, onde o país nasceu?", perguntou, antes de iniciar a sessão na Câmara Municipal, conversou com amigos que já não via há algum tempo, como António Campos, um dos fundadores do PS, que conheceu após a revolução do 25 de Abril de 1974.

O presidente da Câmara de Oliveira do Hospital, José Carlos Alexandrino, eleito pelo PS na condição de independente, elogiou Marcelo Rebelo de Sousa.

"Um homem que vai pacificar o povo português e estará ao serviço dos portugueses", referiu, considerando ainda que "vai ser um grande Presidente da República".

O autarca insistiu na necessidade de o Estado investir mais no melhoramento das acessibilidades da região.

"Precisamos que nos acabem o IC6 e o IC7, com ligação à A25", disse, repetindo o que tinha dito pouco antes ao ministro da Agricultura, Luís Capoulas Santos, que também visitou a feira do queijo Serra da Estrela.

Marcelo Rebelo de Sousa, que no final da visita foi entronizado como confrade de honra da Confraria do Queijo da Serra da Estrela, percorreu o recinto e foi provando o queijo e outras iguarias regionais, aproveitando para cumprimentar muitas das pessoas que iam ao seu encontro.

Lusa

  • O preconceito em relação aos transexuais
    34:09
  • Tudo o que precisa saber sobre a moção de censura ao Governo

    País

    O Governo minoritário do PS enfrenta na terça-feira a sua primeira moção de censura, a 29.ª em 43 anos de democracia, mas PCP, BE e PEV já anunciaram que vai "chumbar" a iniciativa do CDS-PP. Esta é a sétima moção de censura apresentada pelo CDS-PP e a 29.ª a ser discutida na Assembleia da República. Os três partidos de esquerda que têm apoiado o executivo, PCP, BE e PEV, já anunciaram que votam contra. Com os votos do PS, a moção é chumbada.

  • Encontrado corpo de menina posta de castigo na rua pelo pai

    Mundo

    Sherin Mathews estava desaparecida desde o dia 7 de outubro. Este domingo a polícia do estado norte-americano do Texas encontrou o corpo de uma criança que acreditam ser a menina de três anos, desaparecida depois de o pai a colocar de castigo na rua, durante a madrugada.

    SIC

  • A cadela que desistiu da CIA para ir "perseguir esquilos e coelhos"

    Mundo

    Nem todos os cães têm aptidão para combater o crime. Este é o caso de Lulu, uma cadela que estava a treinar para ser agente da CIA, mas que acabou por entrar na reforma ainda durante os treinos. Através do Twitter, a agência norte-americana anunciou na semana passada que Lulu já não iria treinar mais e que tinha sido adotada pelo agente que a treinava.

    SIC

  • A história por detrás da fotografia que correu (e impressionou) o Mundo

    Mundo

    Depois dos incêndios da semana passada na Galiza, começou a circular na internet e nas redes sociais a imagem de uma cadela que alegadamente levava a sua cria carbonizada na boca. Contudo, a cadela é na verdade macho e chama-se Jacki. Esta é a história do cão que passou os dias após os fogos a recolher animais mortos para os enterrar num campo perto de uma igreja, em Coruxo, Vigo.

    SIC