sicnot

Perfil

País

Polícia Judiciária do Porto faz buscas relacionadas com a Gaianima

A Polícia Judiciária do Porto fez hoje buscas relacionadas com a Gaianima. A antiga empresa municipal de Gaia, criada por Luís Filipe Menezes é suspeita de gestão danosa.

Luís Filipe Menezes, criador da Gaianima.

Luís Filipe Menezes, criador da Gaianima.

LUSA

Foram alvo de buscas diretores de empresas no norte do país que fizeram contratos de publicidade e montagem de espetáculos com a Gaianima.

A PJ também esteve na Câmara de Gaia e em casas de ex-administradores da empresa municipal extinta no ano passado. Em causa estará uma investigação relacionada com uma auditoria externa feita às contas da Gaianima, em 2014, que apontava ilegalidades, numa altura em que Filipe Menezes era presidente da autarquia.

Na sequência desta operação a PJ recolheu documentação, mas nenhum dos envolvidos foi constituído arguido.

  • Portugal vai voltar a poder levantar a voz em Bruxelas
    1:40

    Economia

    Carlos Moedas diz que Portugal vai voltar a poder levantar a voz em Bruxelas a propósito da saída do procedimento por défice excessivo. Em entrevista ao Diário de Notícias e à TSF, o comissário europeu levanta dúvidas sobre a renegociação da dívida e garante que a escolha de Mário Centeno para a liderança do Eurogrupo vai depender do entendimento dos países do euro.

  • Trump adia decisão sobre permanência nos acordos de Paris
    1:48
  • Polícia usa gás lacrimogéneo para dispersar manifestantes contra cimeira do G7
    2:28

    Mundo

    A cimeira do G7 terminou este sábado com confrontos entre manifestantes e a polícia na ilha italiana da Sicília e sem o compromisso de Donald Trump sobre o Acordo de Paris para a redução de emissões de dióxido de carbono. O Presidente dos EUA fez saber na rede social Twitter que vai tomar a decisão final durante a próxima semana.