sicnot

Perfil

País

Pais apoiam missa nas escolas públicas

O presidente da Confederação Nacional das Associações de Pais admitiu hoje a realização de missas durante o horário letivo nas escolas públicas, caso estas não prejudicarem a atividade educativa e desde que o Ministério investigue eventuais discriminações.

Lusa

Jorge Ascensão reagia assim, em declarações à agência Lusa, à denúncia, divulgada hoje no Jornal de Notícias, da Associação República e Laicidade de que "há escolas públicas, principalmente no norte do país, a realizar missas durante o horário letivo".

"A Associação República e Laicidade diz que os alunos não são obrigados a participar, mas os que optam por não ir ficam numa sala a passar tempo", segundo escreve o jornal.

Apesar de não conhecer nenhuma escola nesta situação, o presidente da Confederação Nacional das Associações de Pais, disse à Lusa que "não tem nada contra, desde que ninguém seja prejudicado".

"Não há qualquer problema, desde que a comunidade esteja toda de acordo na sua realização e desde que não prejudique a atividade educativa, a principal função da escola", declarou.

Contudo, o mesmo responsável considerou que, "a ser verdade que há alunos a serem discriminados", sem qualquer atividade, o ministério deve averiguar.

"O Ministério deve averiguar e corrigir. Temos de ver o que se está a passar ou não. Quanto ao facto de ser uma escola pública e a religião católica, não vejo qualquer problema, sendo que não vejo para a católica nem para outra religião, desde que a comunidade esteja de acordo", afirmou.

A Associação República Laicidade disse ao jornal que há alunos que estão a ser excluídos por não terem determinada religião e que estas celebrações são ilegais".

O Ministério da Educação, citado pelo JN, explicou que, "para que os alunos possam participar na iniciativa, os encarregados de educação têm de assinar uma declaração autorizando tal participação. Os alunos que não participam ficam na escola, que lhe aloca o acompanhamento regular".

Lusa

  • Adeptos do Sporting gritaram "Joguem à bola"

    Desporto

    Depois da eliminação da Taça de Portugal, o autocarro do Sporting deixou o Estádio Municipal de Chaves em clima de grante tensão. Vários adeptos leoninos protestaram contra a equipa e pediram explicações.

  • Oposição diz que défice abaixo dos 2,3% se deve ao aumento de impostos
    2:24

    Economia

    O défice de 2016 vai ficar abaixo dos 2,3%, uma garantia dada pelo primeiro-ministro durante o debate quinzenal desta terça-feira. A oposição diz que o resultado é bom para o país mas que se deve a um aumento de impostos, feito pelo Governo no ano passado, e ao trabalho do PSD e do CDS nos anos anteriores.

  • Temperaturas negativas em várias zonas do país nos próximos dias
    1:57

    País

    O frio vai começar a fazer-se sentir nos próximos dias com as temperaturas a descerem para valores negativos em várias zonas do país. Em Lisboa, cinco estações de metro vão estar abertas durante a noite para albergar os sem-abrigo que também vão receber agasalhos e refeições quentes.

  • Medalha idêntica à de Anne Frank encontrada em campo nazi

    Mundo

    Um grupo de investigadores encontrou uma medalha praticamente igual à de Anne Frank, nas escavações ao campo nazi de extermínio Sobibor, na Polónia. Os especialistas do Memorial do Holocausto Yad Vashem em Israel acreditam que a medalha pertencia a Karoline Cohn, que pode ter conhecido Anne Frank.