sicnot

Perfil

País

Reaberta zona de check in no Aeroporto de Lisboa

Reaberta zona de check in no Aeroporto de Lisboa

A polícia reabriu a zona de check in do Aeroporto da Portela, em Lisboa, depois de uma mala abandonada ter levado as autoridades a evacuarem a área. Os voos de Lisboa para Bruxelas e de Bruxelas para Lisboa foram todos cancelados, levando os passageiros a procurarem por alternativas. O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras elevou os níveis de segurança nas fronteiras desde manhã. O espaço aéreo belga está fechado depois dos atentados no aeroporto e metro de Bruxelas, que levaram à morte de 34 pessoas.

  • Atentados no aeroporto e metro de Bruxelas

    Atentados em Bruxelas

    Bruxelas foi hoje alvo de ataques terroristas, o balanço de vítimas subiu para 34 mortos e mais de 200 feridos. Duas grandes explosões ocorreram ao início da manhã, às 8:00 locais (7:00 em Lisboa) no Aeroporto de Zaventem. Cerca de uma hora depois, uma nova explosão registou-se numa estação de metro Maelbeek, próximo do quarteirão das instituições europeias. Entre os feridos está uma portuguesa. O alerta antiterrorista está no nível máximo no país, a população foi aconselhada a ficar onde está.

  • Terrorismo volta a abalar a Europa, 34 mortos em Bruxelas
    5:26

    Atentados em Bruxelas

    Pelo menos 34 mortos e pelo menos 200 feridos é o balanço de mais um atentado na Europa. Desta vez os alvos foram um aeroporto e uma estação de metro de Bruxelas. O terrorismo volta a abalar violentamente território europeu. As primeiras explosões ocorreram por volta das 7:00, hora de Lisboa, num dos principais aeroportos da capital belga.

  • "É necessário reafirmar a solidariedade europeia"
    2:02

    Atentados em Bruxelas

    A propósito dos atentados desta manhã em Bruxelas, o Presidente da República afirmou que é necessário lutar pela democracia, a liberdade, a paz e é necessário reafirmar a solidariedade europeia. Marcelo Rebelo de Sousa disse que já teve oportunidade de comunicar ao Rei Filipe da Bélgica que Portugal está solidário com a situação belga. Marcelo está a acompanhar os acontecimentos com especial atenção à portuguesa ferida nos ataques.

  • Países europeus reforçam medidas de segurança
    1:19

    Atentados em Bruxelas

    Os atentados de Bruxelas, que mataram pelo menos 34 pessoas, tiveram um efeito imediato no reforço da segurança de várias cidades europeias. Entre os países que agiram estão a França, Alemanha, Reino Unido, Holanda, Luxemburgo, Áustria e Itália. Portugal mantém o nível de segurança moderado, o nível de alerta 3 numa escala de 5, o mesmo que vigorou depois dos atentados de Paris.

  • Governo garante que Portugal não desperdiçou nenhum fundo de ajuda alimentar
    1:18

    País

    O ministro da Solidariedade e Segurança Social garante que Portugal não desperdiçou nenhum fundo europeu de ajuda alimentar. Vieira da Silva respondeu, esta manhã, à notícia avançada pelo Jornal de Notícias que dava conta de que, este ano, o país teria desperdiçado 28 milhões de euros de um fundo europeu porque o programa ainda não está operacional.