sicnot

Perfil

País

Segundo dia de congresso PSD com debate político e nova direção

O 36.º Congresso do PSD prossegue hoje, num dia dedicado à discussão política e em que vão ser conhecidos os nomes propostos por Pedro Passos Coelho para a sua equipa dirigente dos próximos dois anos.

LUSA

As listas aos órgãos nacionais do PSD têm de ser entregues até às 19:00 de hoje, segundo dia do Congresso Nacional do PSD, que decorre em Espinho, no distrito de Aveiro.

Na sexta-feira, primeiro dia de trabalhos, o presidente do PSD, Pedro Passos Coelho, fez um discurso de mais de uma hora, no qual, apesar de deixar críticas ao atual Governo, reconheceu legitimidade à maioria PS/PCP/BE - que classificou até de "consistente".

"Apesar das arestas que ainda não estão limadas, esta maioria tem vindo a ganhar consistência, devemos reconhecê-lo - o PCP, o BE e o PS podem aos olhos de muitos constituir uma maioria um pouco estranha, mas não há dúvida que se tem vindo a revelar uma maioria consistente", afirmou.

No seu discurso de abertura, Passos considerou que, com "um bocadinho mais de zelo" da parte do Governo do PS, o défice do Estado em 2015 teria sido inferior a 3% e deu eco ao alerta da agência de notação financeira canadiana DBRS, que admitiu cortar o 'rating' português, considerando que se tal acontecer o país "dificilmente escapará a novo pedido ajuda externa".

Por outro lado, o presidente do PSD aproveitou para relançar duas propostas da sua liderança: a reforma da Segurança Social e a do sistema eleitoral, considerando que agora que não há "eleições à vista" é tempo de repensar a forma como os deputados são escolhidos.

O discurso inaugural de Passos Coelho serviu ainda para o presidente do PSD enviar, a partir de Espinho, "com muito afeto, um abraço muito forte" ao novo Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.

O ex-primeiro-ministro falou cerca de cinco minutos sobre o "novo ciclo presidencial" e definiu os princípios que devem nortear a ação do chefe de Estado, entre os quais "garantir um exercício absolutamente à margem dos partidos", "intervir com pensamento e ação, arriscando ter posição e marcar a diferença" e ter "presente o interesse estratégico nacional, mais do que a espuma dos dias".

Seguiu-se até perto da 01:30 a discussão de 14 das 27 propostas temáticas -- nesta fase, com a sala com grandes clareiras e muitos congressistas a conversarem nos corredores -, um debate que prosseguirá hoje a partir das 10:30.

O resto do dia será dedicado às intervenções políticas, terminando com a votação das propostas levadas ao Congresso.

Lusa

  • Prisão preventiva para marroquino suspeito de apoiar o Daesh

    País

    O juiz do Tribunal Central de Instrução Criminal impôs esta quinta-feira prisão preventiva ao cidadão marroquino, detido na Alemanha e entregue a Portugal, suspeito de adesão e apoio ao grupo extremista Daesh e recrutamento e financiamento ao terrorismo.

  • "A isto chama-se pura hipocrisia"
    1:13

    Caso CGD

    Pedro Passos Coelho classifica a atuação do Governo na gestão da Caixa Geral de Depósitos como um "manual de cinismo político insuportável", declarações feitas pelo líder do PSD durante a reunião do Conselho Nacional em Lisboa.

  • O momento em que Trump quis ser um camionista

    Mundo

    O Presidente norte-americano Donald Trump reuniu-se esta quinta-feira com representantes da indústria de camionagem. Não é apenas do encontro que lhe falamos, mas principalmente da invulgar receção feita por Trump, que entrou para um camião, fingiu que o conduzia e buzinou... em pleno jardim da Casa Branca.

  • FBI investiga possível campanha de espiões russos contra Hillary
    0:57

    Mundo

    A suspeita de ligação entre a equipa de Donald Trump e operacionais russos está a aumentar. A CNN diz que a equipa do Presidente do Estados Unidos da América se coordenou com os russos para atingir Hillary Clinton. O FBI está a investigar registos telefónicos, de viagens, relatórios e transações para offshores.

  • Mais de 20 milhões estão a morrer à fome em África

    Mundo

    África enfrenta a maior crise desde 1945, com mais de 20 milhões de pessoas a morrer de fome em três países, Sudão do Sul, Somália e Nigéria, disse esta quinta-feira um responsável do Programa Alimentar Mundial das Nações Unidas.

  • Jovem violada em direto no Facebook não se sente em segurança

    Mundo

    A jovem de 15 anos que foi abusada sexualmente por cinco ou seis homens durante um vídeo em direto para o Facebook está a receber tratamento. A mãe da jovem deu uma entrevista, na qual disse que a filha já não se sente em segurança na sua vizinhança, depois de receber ameaças na internet.

  • Menina "rouba" chapéu ao Papa
    0:27

    Mundo

    Estella Westrick tem apenas três anos, mas já conseguiu chegar aos jornais de todo o mundo, depois de "roubar" o chapéu do Papa. Durante uma visita da família na quarta-feira ao Vaticano, a criança - que não parece estar muito contente no vídeo - foi pegada ao colo por um dos funcionários do Vaticano, que a levou depois até ao Papa. Nesta altura, Estella aproveitou para tirar o solidéu episcopal, arrancando gargalhadas de toda a gente, especialmente do Papa Francisco.

  • O edifício mais longo do mundo

    Mundo

    Se pensa que já viu tudo em relação aos edifícios mais longos e complexos do mundo, pense duas vezes. O edifício mais longo do mundo pode estar prestes a chegar e promete fazer de Nova Iorque uma cidade ainda mais atrativa.