sicnot

Perfil

País

Fogo na doca do Bom Sucesso causou danos elevados, não há registo de vítimas

Fogo na doca do Bom Sucesso causou danos elevados, não há registo de vítimas

Ainda está por avaliar e remover o que resta das três embarcações afundadas devido a um incêndio na doca do Bom Sucesso, em Lisboa. A operação está a cargo do Porto de Lisboa que ainda não avançou quando irá começar a remoção dos destroços. O incêndio atingiu quatro embarcações, três estão no fundo do rio. O fogo começou por volta da meia noite, tendo sido extinto perto das 2:00. Não há registo de vítimas apenas danos materiais. A repórter da SIC Sara Sousa Oliveira esteve no local esta manhã.

  • Operação de combate às chamas em embarcações em Belém
    4:06

    País

    O Comandante do Porto de Lisboa, Malaquias Domingues, explica como estão a decorrer as operações de combate ao incêndio que deflagrou numa embarcação na Doca do Bom sucesso, em Belém. A maior preocupação autoridades tem sido controlar o fogo, ainda ativo, numa das embarcações. Até ao momento não há indícios do que poderá ter causado o incêndio que se alastrou para outras duas embarcações.

  • Bombeiros combatem incêndio em três embarcações em Belém

    País

    Pelo menos três embarcações estão a arder na Doca do Bom Sucesso, em Belém, perto do Padrão dos Descobrimentos. No local já se encontram pelo menos 40 bombeiros apoiados por 14 viaturas. De acordo com os Bombeiros Sapadores de Lisboa, o incêndio terá começado com uma explosão numa das embarcações. Não há vítimas a registar.

  • BE acusa direita de bloquear atual comissão à CGD
    1:37

    Caso CGD

    O Bloco de Esquerda acusa a oposição de estar a fazer tudo para impedir as conclusões da comissão de inquérito sobre a Caixa Geral de Depósitos que está em curso. Numa altura em que PSD e CDS já entregaram o requerimento para avançar com uma segunda comissão, Catarina Martins defende que ainda há muita coisa por apurar sobre o processo de recapitalização do banco público.

  • Visita de Costa a Angola pode estar em risco
    2:26

    País

    A visita de António Costa a Luanda poderá estar em risco devido à acusação da justiça portuguesa contra o vice-Presidente de Angola. O jornal Expresso avança que o comunicado com a reação dura do Governo angolano é apenas o primeiro passo e que pode até estar a ser preparado um conjunto de medidas contra Portugal. Para já, o primeiro-ministro português desvaloriza a ameaça e mantém a visita marcada para a primavera.