sicnot

Perfil

País

Secretário de Estado sai em "profundo desacordo" com ministro da Educação

O secretário de Estado da Juventude e Desporto demissionário, João Wengorovius Meneses, revela que saiu do Governo "em profundo desacordo" com o ministro da Educação em relação às políticas seguidas e "ao modo de estar" no exercício de cargos públicos. Vai ser substituído por João Paulo Rebelo.

João Wengorovius Meneses escreveu na sua página na rede social Facebook:

"Deixo hoje o XXI Governo Constitucional, convicto de que tinha um bom projeto e uma excelente equipa - e de que estávamos no caminho certo - contudo, em profundo desacordo com o Sr. Ministro da Educação no que diz respeito à política para a juventude e o desporto e ao modo de estar no exercício de cargos públicos".

"Continuo convicto de que temos um excelente Governo, capaz de ser bem sucedido num momento político tão decisivo. Votos de sucesso ao Governo", acrescenta o secretário de Estado, cuja demissão foi conhecida na terça-feira à noite.

A saída de João Wengorovius Meneses do Governo foi conhecida por causa de uma nota colocada na página oficial na internet da Presidência da República segundo a qual o Presidente Marcelo Rebelo de Sousa dará posse na quinta-feira ao novo secretário de Estado da Juventude e Desporto, João Paulo Rebelo, juntamente com os novos ministro e secretário de Estado da Cultura.

A assessoria do gabinete do primeiro-ministro e do Ministério da Educação informou apenas que João Wengorovius Meneses abandona o cargo a seu pedido, sem adiantar quais os motivos e quando é que foi apresentado o pedido.

O novo secretário de Estado da Juventude e Desporto é deputado socialista, eleito pelo cículo de Viseu, e faz parte da Comissão de Economia, Inovação e Obras Públicas.

João Paulo Rebelo também esteve na comissão da Cultura, Comunicação, Juventude e Desporto, segundo a página da Assembleia da República.

Com Lusa

  • Francês detido em Antuérpia "queria matar"

    Mundo

    O Presidente de França François Hollande afirmou que o francês detido esta quinta-feira por conduzir um automóvel a grande velocidade na principal rua pedonal de Antuérpia, na Bélgica, "queria matar" ou "provocar um acontecimento dramático".

  • Mais de 20 milhões estão a morrer à fome em África

    Mundo

    África enfrenta a maior crise desde 1945, com mais de 20 milhões de pessoas a morrer de fome em três países, Sudão do Sul, Somália e Nigéria, disse esta quinta-feira um responsável do Programa Alimentar Mundial das Nações Unidas.

  • Menina "rouba" chapéu ao Papa
    0:27
  • Jovem violada em direto no Facebook não se sente em segurança

    Mundo

    A jovem de 15 anos que foi abusada sexualmente por cinco ou seis homens durante um vídeo em direto para o Facebook está a receber tratamento. A mãe da jovem deu uma entrevista, na qual disse que a filha já não se sente em segurança na sua vizinhança, depois de receber ameaças na internet.