sicnot

Perfil

País

Duarte Lima acusado de abuso de confiança por apropriação indevida de 5M€

última hora

O Ministério Público acusou Duarte Lima de abuso de confiança, por apropriação indevida de mais de cinco milhões de euros de Rosalina Ribeiro, de cuja morte é acusado no Brasil.

ANTÓNIO COTRIM / LUSA

Em causa está, segundo o MP, a apropriação indevida por Duarte Lima de 5.240.868,05 euros que Rosalina Ribeiro lhe transferiu, a título provisório, em 2001, para uma conta na Suíça para que este guardasse a verba enquanto decorressem as ações judiciais interpostas pelos herdeiros do empresário português Lúcio Feteira contra Rosalina Ribeiro.

"Na posse de tal montante, Duarte Lima utilizou-o em proveito próprio, apropriando-se do mesmo, sem nunca o ter restituído a Rosalina Ribeiro", explica o Departamento Central de Investigação e Ação Penal (DCIAP).

Duarte Lima, ex-líder da bancada parlamentar do PSD, foi acusado em 2011 pelo Ministerio Público do Brasil pela morte de Rosalina Ribeiro e deverá começar este ano a ser julgado à revelia no Tribunal de Saquarema.

O homicídio ocorreu 7 de dezembro de 2009.

Rosalina Ribeiro, que foi secretária e companheira do milionário português radicado no Brasil Lúcio Tomé Feteira, falecido em 2000, foi morta a tiro e o corpo foi encontrado numa estrada de terra batida em Maricá, nos arredores do Rio de Janeiro.

Lusa

  • Duarte Lima com pena reduzida para seis anos de prisão
    2:38

    País

    Duarte Lima vai mesmo ter de cumprir uma pena de prisão. O tribunal da Relação confirmou hoje a condenação do antigo deputado do PSD, pelos crimes de burla qualificada e branqueamento de capitais, mas reduziu de dez para seis anos a pena aplicada.

  • Relação confirma condenação de Duarte Lima

    País

    O Tribunal da Relação de Lisboa confirmou a hoje a condenação de Duarte Lima por burla qualificada e branqueamento de capitais no processo Homeland. Reduziu no entanto de 10 para seis anos a pena aplicada ao ex-deputado do PSD em 2014, pelo tribunal de primeira instância, em cúmulo jurídico.

  • Duarte Lima considera condenação um tremendo erro judiciário
    1:39

    País

    O Tribunal da Relação de Lisboa decide no próximo dia 1 de abril o recurso de Duarte Lima, no caso Homeland. A defesa do ex-líder parlamentar do PSD, condenado a 10 anos de cadeia, tentou hoje convencer os desembargadores a anularem o que chamaram de tremendo erro judiciário.

  • Os negócios menos claros do filho de Pinto da Costa
    1:55

    Football Leaks

    Com o escândalo dos agentes de futebol a dar que falar, o Expresso revela este sábado os negócios menos claros do filho de Pinto da Costa. O nome da empresa de que é administrador, a Energy Soccer, surge na investigação em transferências de jogadores que envolvem o Futebol Clube do Porto num conflito de interesses.

  • BCE autoriza CGD a avançar com recapitalização

    Caso CGD

    A Caixa Geral de Depósitos informou esta sexta-feira que vai prosseguir com as operações da primeira fase do aumento de capital, depois de ter obtido autorização para isso junto do Banco Central Europeu (BCE) e do Banco de Portugal.

  • Condutores apanhados a mais de 200 em corridas ilegais na Ponte Vasco da Gama
    1:25
  • A história da guerra em Alepo
    7:43
  • Reino Unido em alerta máximo de terrorismo

    Mundo

    O Reino Unido elevou o alerta de terrorismo para o nível máximo depois das declarações, esta quinta-feira, do chefe das secretas britânicas. O diretor do MI6 está preocupado com eventuais ataques contra o Reino Unido e outros aliados.

  • Uma "cidade fantasma" na Letónia
    3:10
  • O anúncio de natal que está a emocionar o mundo
    1:47