sicnot

Perfil

País

Vítor Constâncio diz que não tem que responder à Comissão do Banif

O vice-presidente do Banco Central Europeu (BCE), Vitor Constâncio, afirmou hoje que a comissão parlamentar de inquérito ao Banif não endereçou qualquer pedido de depoimento, até porque o BCE só "responde perante o Parlamento Europeu".

© Darrin Zammit Lupi / Reuters

Em conferência de imprensa, após uma reunião do Ecofin (ministros da Economia e das Finanças dos Estados-membros), em Amesterdão, o responsável garantiu "não ter recebido nenhum pedido nesse sentido" (para prestar declarações) e lembrou que, em casos anteriores, "em diferentes Estados-membros", as estruturas do BCE "não respondem perante comissões de inquérito de parlamentos nacionais".

"Nós apenas temos que responder perante o Parlamento Europeu, como já aconteceu com a Irlanda e em relação a Portugal", garantiu aos jornalistas.

Questionado sobre se interferiu no processo, Vitor Constâncio começou por dizer que não iria comentar a pergunta, por "ser completamente fora do âmbito da conferência de imprensa".

A pergunta relacionava-se com um contacto com a presidente do Conselho de Supervisão do BCE, Danièle Nouy, na manhã de 19 de dezembro (na véspera do anúncio da resolução do Banif) para o BCE "desbloquear a oferta do Santander junto da Comissão Europeia".

"Não sei exatamente ao que se está a referir. Eu não sigo em detalhe o que se passa em Portugal sobre esse assunto e outros", rematou.

Em causa está uma missiva de Danièle Nouy, na qual - no sábado, 19 de dezembro, pela manhã - esta diz ter recebido chamadas do ministro das Finanças, Mário Centeno, e de Vítor Constâncio pedindo para o BCE "desbloquear a oferta do Santander junto da Comissão Europeia".

A 20 de dezembro de 2015, um domingo, o Governo e o Banco de Portugal anunciaram a resolução do Banif, com a venda de parte da atividade bancária ao Santander Totta, por 150 milhões de euros, e a transferência de outros ativos - incluindo 'tóxicos' - para a nova sociedade veículo.

  • Avioneta despenha-se em centro comercial de Melbourne

    Mundo

    Uma avioneta com cinco pessoas a bordo caiu num centro comercial perto do aeroporto de Essendon em Melbourne. Segundo a polícia do estado de Vitória tratava-se de um voo charter com destino a King Island, situada entre a parte continental da Austrália e a ilha da Tasmânia.

  • Acha que conhece o seu país?
    27:42
  • China descobre nova mutação do vírus H7N9

    Mundo

    A China descobriu uma nova mutação do vírus H7N9, considerada a mais mortífera das estirpes que causam a gripe das aves, sobretudo para aves vivas, não representando nova ameaça para os seres-humanos, informou hoje a imprensa estatal.

  • Jornalista bielorrusso come jornal após perder aposta

    Desporto

    Vyacheslav Fedorenko, editor de desporto de um importante jornal da Bielorrúsia, apostou que o Dinamo Minsk não chegaria aos play-offs da Kontinental Hockey League (KHL), uma liga internacional dominada por equipas russas. Perdeu e acabou a comer as próprias palavras, impressas em papel.

  • Os ensaios para a maior festa do ano
    1:16

    Mundo

    Em contagem decrescente para o Carnaval, no Rio de Janeiro, já começaram os ensaios para a maior festa do ano. A noite de testes na avenida Marquês de Sapucaí conta com desfiles gratuitos.