sicnot

Perfil

País

Cravo oferecido por jovens a Marcelo "simboliza o que falta fazer"

O Presidente da República disse hoje ter trazido um cravo oferecido por jovens que simboliza o que falta fazer passados 42 anos do 25 de Abril de 1974, considerando que houve avanços mas persistem frustrações.

Miguel A.Lopes

Miguel A.Lopes

Miguel A.Lopes

Miguel A.Lopes

Miguel A.Lopes

Miguel A.Lopes/Lusa

Miguel A.Lopes/Lusa

No seu primeiro discurso numa sessão solene comemorativa do 25 de Abril, na Assembleia da República, Marcelo Rebelo de Sousa começou por "saudar os capitães de Abril" - representados nesta cerimónia pela Associação 25 de Abril, depois de quatro anos de ausência em protesto contra as políticas do anterior executivo PSD/CDS-PP.

O chefe de Estado defendeu que "saudar os capitães de Abril é dever de todos os que, em Portugal, se louvam da democracia que o seu gesto patriótico permitiu instaurar", antes de "saudar o povo, que assumiu esse testemunho e o converteu em fundamento do Estado social de direito".

Depois, fez um balanço do período que se seguiu à Revolução dos Cravos, em que falou dos avanços e conquistas, mas também da pobreza e de outros problemas que permanecem e "legitimam queixas e frustrações em muitos portuguesas e portugueses e, em particular, nos mais jovens".

"Como aqueles - do Conselho Nacional de Juventude -, que ontem [domingo] me deram, simbolicamente, este cravo para que, hoje, ao evocar os 42 anos do 25 de Abril, não me esquecesse do muito que está por fazer", acrescentou, erguendo por momentos esse cravo.

Lusa

  • Quartel do Carmo aberto ao público
    2:32

    País

    O momento chave da revolução de abril sempre foi visto do lado de fora, no Largo do Carmo, em Lisboa. Agora, já é possível ver a história a partir do interior. As portas são abertas ao público, que pode assim conhecer o Museu e as salas do quartel onde caiu o antigo regime. Fernando Otero era alferes da coluna de Salgueiro Maia e chefiava um grupo de combate de 30 homens e, agora, recorda os momentos de tensão até à queda do regime.

  • Museu das Notícias abre portas no dia da liberdade
    2:23

    País

    Marcelo Rebelo de Sousa inaugurou nos primeiros minutos deste 25 de Abril o Museu das Notícias, em Sintra.Nesta cerimónia estiveram também presentes António Costa e Pedro Passos Coelho. Uma conquista de Abril, na opinião do Presidente da República.

  • Brasileiros procuram Portugal
    3:59

    País

    Viver em Portugal é hoje em dia um grande sonho da classe média brasileira. De acordo com o Ministério dos Negócios Estrangeiros, só em 2016, o número de vistos de residência aumentarem em mais de 30%. A língua, a segurança e a qualidade de vida são as razões apontadas para a mudança. Todos os dias, no consulado português no Rio de Janeiro, para a obtenção de vistos.

  • Repórteres fazem relato impressionante dos acontecimentos em Charlottesville
    3:40