sicnot

Perfil

País

PCP vai votar contra projeto de resolução do CDS que rejeita Programa de Estabilidade

O líder da bancada parlamentar comunista anunciou hoje que o PCP vai votar contra o projeto de resolução do CDS-PP que rejeita o Programa de Estabilidade, criticando a "habilidade de última hora" de alterar o texto.

(arquivo)

(arquivo)

TIAGO PETINGA

"Uma proposta que associa essa intenção de rejeição do Programa de Estabilidade à recuperação de medidas com que o Governo anterior atingiu os direitos e as condições de vida dos portugueses tem que merecer, como sempre mereceu, o combate e o voto contra do PCP", anunciou João Oliveira numa declaração aos jornalistas no parlamento.

Segundo o líder da bancada comunista, "não é a habilidade de última hora do CDS com a alteração ao texto" que "pode iludir" e tentar "esconder esse objetivo de fundo de recuperar todas essas medidas de cortes e até de as intensificar".

O CDS propôs na quarta-feira a rejeição do Programa de Estabilidade e a revisão do Programa Nacional de Reformas, no sentido de "não reverter" as reformas estruturais do anterior Governo, segundo o requerimento de substituição entregue no parlamento.

Lusa

  • António Saraiva receia que Programa de Estabilidade aposte pouco no investimento
    0:54

    Economia

    António Sairava receia que o Programa de Estabilidade aposte pouco no investimento e nas exportações que, disse esta noite, considera essenciais para o desenvolvimento da economia. Na SIC Notícias, o presidente da Confederação Empresarial de Portugal queixou-se do pouco tempo dado aos parceiros sociais para analisarem o documento e proporem alterações.

  • Afinal há um plano B para 2017
    1:58

    Economia

    O Governo não explicou aos portugueses as medidas do Programa de Estabilidade que mais impacto vão ter no seu bolso. Há um anexo ao documento que foi entregue na Comissão Europeia, na UTAO e no Conselho de Finanças Públicas, mas não chegou a ser revelado publicamente. A SIC sabe que entre outras medidas para reduzir o défice em 2017, haverá poupanças no pagamento das prestações sociais.

  • Ministro garante que não está em marcha nenhum plano de contigência
    0:32

    Economia

    O ministro do Planeamento garante que não há qualquer plano de contingência ou secretismo. Em causa está a notícia de que o Programa de Estabilidade tem um anexo que não chegou a ser revelado publicamente. No final da reunião da concertação social, Pedro Marques garantiu que apenas foram enviados esclarecimentos à UTAO e ao Conselho de Finanças Públicas.

  • Deputado do PS abandona partido e pode colocar em causa maioria parlamentar
    2:28

    País

    Domingos Pereira foi eleito pelo círculo de Braga. Agora, vai demitir-se do Partido Socialista e entregar o cartão de militante. Contudo, mantém-se no Parlamento, passando assim a deputado independente na Assembleia da República. Pode estar em causa a maioria parlamentar quando o PCP se abstiver.

    Notícia SIC

  • Pedro Dias recusou mostrar caligrafia
    2:29

    País

    Pedro Dias forneceu esta segunda-feira ADN aos peritos do laboratório da polícia científica. O suspeito dos crimes de Aguiar da Beira também foi intimado a entregar amostras da própria caligrafia, mas recusou fazê-lo.

  • Autoridades italianas prosseguem buscas por desaparecidos em avalancha
    0:54
  • "O México não acredita em muros"
    0:45

    Mundo

    Em resposta a Donald Trump, o Presidente mexicano diz que o país não acredita em muros, mas em pontes. Enrique Peña Nieto diz ainda que o México vai procurar dialogar com os Estados Unidos sem confrontos, mas também sem submissão.

  • Carolina do Mónaco celebra o 60.º aniversário
    2:13

    Mundo

    Carolina do Mónaco celebra esta segunda-feira o 60.º aniversário. Em 60 anos, foi criança mediática, jovem rebelde e, agora, matriarca sem ser rainha. Carolina do Mónaco nunca saiu das revistas, por ser filha de Grace Kelly e Rainier do Mónaco, por ter somado namorados pouco recomendáveis para princesas, por ter perdido o pai dos seus filhos num terrível acidente.

  • Ator morre baleado durante gravações de videoclip na Austrália

    Mundo

    Um ator morreu depois de ter sido baleado durante as gravações de um videoclip da banda Bliss n Eso, na cidade australiana de Brisbane. A vítima foi identificada como Johann Ofner, de 28 anos. O homem chegou a receber a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos.