sicnot

Perfil

País

Declarado inimputável perigoso homicida de gerente de pastelaria

O homem que matou o gerente da pastelaria Lua de Mel em Benfica foi declarado inimputável perigoso e, condenado a medida de internamento. O crime ocorreu em 2015.

O acórdão do julgamento foi lido hoje no Tribunal Criminal de Lisboa. Os juízes deram como provados todos os factos da acusação.

No entanto, tendo em conta que lhe foi diagnosticada uma doença psiquiátrica, a pena de prisão foi substituída por uma medida de internamento.

Esta medida terá a duração mínima de três anos e máxima de 25, sendo reavaliada a cada dois anos.

O autor do crime foi ainda condenado a pagar mais 200 mil euros à família da vítima.

  • Ministra pediu três vezes para sair
    1:30
  • Costa explica porque quis manter a ministra no Governo
    2:27
  • Costa apresentou remodelação do Governo na reunião semanal com Marcelo
    1:18