sicnot

Perfil

País

Casal suspeito de comprar bebé em liberdade com apresentações semanais

O casal suspeito de ter comprado um bebé recém-nascido, em Santa Maria da Feira, vai aguardar julgamento em liberdade, com apresentações semanais às autoridades, disse hoje à Lusa fonte ligada ao processo.

(Arquivo)

(Arquivo)

As medidas de coação foram determinadas por um juiz de instrução do Tribunal de Santa Maria da Feira, onde os suspeitos foram ouvidos esta tarde.

O juiz determinou ainda que os arguidos vão poder visitar o bebé na instituição onde aquele estiver, mas sempre na presença das autoridades.

Os arguidos, de 23 e 30 anos, foram detidos pela Polícia Judiciária, esta sexta-feira, pela prática de um crime de tráfico de pessoas.

Segundo a PJ, o bebé, cujo parto teve lugar no hospital de São Sebastião, em Santa Maria da Feira, em novembro de 2015, foi adquirido a "um casal de nacionalidade estrangeira e com dificuldades económicas e sociais", pagando uma "elevada quantidade monetária".

A Polícia refere que os arguidos, que são vendedores ambulantes, pretendiam assumir a paternidade do bebé "à margem do sistema legal de adoção".

Fonte da PJ disse à agência Lusa que o arguido fez-se passar por pai biológico do recém-nascido, no hospital, registando-o como seu filho.

Depois de sair do hospital, o bebé foi viver durante cerca de cinco meses para casa dos arguidos.

A PJ prossegue as investigações no sentido de localizar os progenitores, que se encontram em parte incerta.

Lusa

  • Governo vai avaliar situação da associação Raríssimas
    1:41

    País

    O Governo promete avaliar a situação da instituição Raríssimas e agir em conformidade, depois da denúncia de alegadas irregularidades na gestão financeira. A presidente da instituição terá usado dinheiro da Raríssimas para gastos pessoais como vestidos de alta-costura e alimentação. Esta é uma instituição que apoia doentes e famílias que convivem de perto com doenças raras. 

  • Diáconos permanentes: quem são e que cargo ocupam na comunidade católica
    10:04
  • Múmia quase intacta descoberta em Luxor
    1:23

    Mundo

    O Egito anunciou, este sábado, a descoberta de dois pequenos túmulos com 3.500 anos na cidade de Luxor. Foram também encontrados uma múmia em bom estado de conservação, uma estátua do deus Ámon Ra e centenas de artefactos de madeira e cerâmica ou pinturas intactas.