sicnot

Perfil

País

O tempo para hoje

O tempo para hoje

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) prevê para hoje, no continente, céu pouco nublado, tornando-se geralmente muito nublado a partir da manhã, com aguaceiros, mais frequentes no litoral das regiões norte e centro, sendo fracos na região sul.

A previsão aponta também para vento em geral fraco do quadrante sul, soprando moderado no litoral oeste a partir da tarde, e moderado a forte nas terras altas, possibilidade de ocorrência de neblina ou nevoeiro matinal em alguns locais e pequena subida da temperatura mínima no litoral das regiões norte e centro.

Para a Madeira, prevê-se períodos de céu muito nublado, aguaceiros, vento fraco a moderado de sudoeste, soprando moderado a forte nas terras altas, rodando para oeste a partir do meio da tarde e pequena subida da temperatura mínima.

No grupo ocidental (Flores e Corvo) prevê-se períodos de céu muito nublado com boas abertas, aumentando de nebulosidade a partir do final do dia, aguaceiros fracos na madrugada e vento norte moderado, tornando-se bonançoso e rodando gradualmente para sudoeste.

Para o grupo central (Graciosa, Terceira, São Jorge, Pico e Faial) está previsto períodos de céu muito nublado com boas abertas, aguaceiros em geral fracos em especial na madrugada e manhã e vento norte moderado, rodando para noroeste e tornando-se fraco a bonançoso.

O instituto prevê para o grupo oriental (São Miguel e Santa Maria) períodos de céu muito nublado com boas abertas, aguaceiros geralmente fracos e vento noroeste bonançoso a moderado.

Quanto às temperaturas, em Lisboa vão variar entre 15 e 21 graus Celsius, no Porto entre 13 e 20, em Vila Real entre 09 e 20, em Viseu entre 08 e 18, em Bragança entre 08 e 20, na Guarda entre 07 e 15, em Coimbra entre 11 e 21, em Castelo Branco entre 10 e 20, em Santarém entre 12 e 22, em Évora entre 10 e 22, em Beja entre 10 e 23, em Faro entre 14 e 21, no Funchal entre 18 e 21, em Ponta Delgada entre 13 e 18, na Horta entre 12 e 17 e em Santa Cruz das Flores entre 13 e 17.

Lusa

  • Um homem de 83 anos é a 42.ª vítima dos incêndios
    1:27

    País

    Subiu para 42 o número de vítimas mortais nos incêndios deste domingo. Um homem de 83 anos foi encontrado sem vida em Lugar de Covelo, em Vouzela. O número de feridos mantém-se, 14 estão em estado grave. A maior parte das mortes aconteceu no distrito de Coimbra (20) e Viseu (19). Segundo a Proteção Civil, já não há desaparecidos. Sete pessoas estavam dadas como desaparecidas e apenas uma foi encontrada sem vida. Um bebé de poucos meses tinha sido dado como morto, mas foi encontrado com vida.

  • Um pedido de desculpas aos portugueses e um ultimato ao Governo
    3:21
  • Vouzela tenta regressar à normalidade, 8 pessoas morreram no concelho
    2:28

    País

    No concelho de Vouzela, a população começa a voltar à normalidade. Aos poucos a luz e a água estão a voltar e as pessoas começam a ganhar forças para reconstruir aquilo que lhes foi tirado pelos fogos. No entanto, as feridas demoram a sarar e não será fácil esquecer que 80 a 90 por cento deste concelho foi destruído pelos incêndios e oito pessoas morreram.

  • Material de guerra de Tancos encontrado, faltam munições
    1:40
  • "Se os bombeiros não chegam, os vizinhos vão ficar sem casa"
    1:03
  • Madrid admite suspender autonomia da Catalunha
    1:51
  • Alemanha já tem uma versão de Donald Trump... em cera
    1:08